Saúde do Homem e da Mulher Rural: Senar/MS mobiliza população de Nova Andradina para prevenção de câncer

A décima edição do Programa Especial Saúde do Homem e da Mulher Rural aconteceu nesse sábado.

Foto: Rodrigo Corrêa

O Senar/MS – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural realizou, nesse sábado (11), a 10ª edição do Programa Especial Saúde do Homem e da Mulher Rural, em Nova Andradina, a cerca de 300 quilômetros de Campo Grande, capital de Mato Grosso do Sul. O evento mobilizou a comunidade do distrito de Nova Casa Verde, que foi contemplada com serviços de saúde, como exames, consultas e testes rápidos.

A iniciativa aconteceu em parceria com o Sindicato Rural de Nova Andradina, secretaria municipal de Saúde e SBU/MS – Sociedade Brasileira de Urologia.

O presidente do Sistema Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS, Mauricio Saito, ressaltou a importância do evento como fator preponderante para colocar Mato Grosso do Sul na lista das regiões com alto índice de desenvolvimento humano.

“Conforme os registros das nove primeiras edições do programa, até agora, 51% do público atendido é masculino. Isso demonstra o quanto o homem do campo está compreendendo importância da prevenção para o aumento da longevidade. Para nós, esse número é significativo, pois muito mais que a expressividade econômica, produção e produtividade, o Sistema Famasul tem o compromisso com o papel social”, diz.

Foto: Rodrigo Corrêa

O programa Saúde do Homem e da Mulher Rural soma-se a um conjunto de ações do Senar/MS com o sindicato rural do município. “Através do Senar/MS, temos oferecido cerca de 200 cursos para que o empresário do campo não fique para trás e tenha conhecimento sobre as técnicas e novas tecnologias. Alcançamos 1.000 pessoas por ano com nossas capacitações. O sindicato é do produtor rural”, declarou o presidente da entidade, Hemerson Israel.

O prefeito de Nova Andradina, José Gilberto Garcia, destacou como as capacitações do Senar/MS vêm contribuindo para o desenvolvimento local. “Essas parcerias com o sindicato rural, o Senar/MS, e a Famasul são importantes para fortalecer Nova Casa Verde. Trouxemos curso de tratorista, inseminação artificial, incentivamos os produtores para investir em genética com o objetivo de potencializar a produção de leite e aumentar a representatividade na bacia leiteira”, apontou.

Estiveram presentes no evento o diretor tesoureiro do Sistema Famasul, Luis Alberto Moraes Novaes; a diretora-secretária, Terezinha Cândido; o superintendente do Senar/MS, Lucas Galvan; o 3º diretor-secretário do Sistema Famasul, André Bartocci; o presidente do MNP – Movimento Nacional de Produtores, Rafael Gratão; os presidentes dos sindicatos rurais de Jateí, José Pereira da Silva, e de Santa Rita do Pardo, Florindo Cavalli Neto, o vice-prefeito de Nova Andradina, Newton Luiz de Oliveira, o secretário municipal de Saúde, Noberto Fabri Júnior, e os vereadores, João Dan, Airton Castro e Joana Darc.

Fonte: Assessoria de Comunicação Sistema Famasul

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo