Saiba como lucrar mais na venda do boi gordo

Consultorias agrícolas de todo o Brasil tem mostrado que a arroba do boi gordo está em fase de valoração em julho e como em todo setor econômico, na pecuária também existe uma grande concorrência entre os produtores. Por esse motivo, é preciso tomar algumas medidas para se destacar no mercado e lucrar ainda mais com a venda do gado. Para esclarecer melhor quais são essas atitudes, o nutricionista animal da Quimtia Brasil, Stephen Janzen, dá algumas dicas.

Foto: Divulgação

Atenção ao mercado

O nutricionista revela que entender o mercado para qual está produzindo é imprescindível, pois somente dessa forma é possível realizar as mudanças necessárias durante a produção, o que impacta fortemente no produto final. Essas alterações podem ser tanto no manejo, quanto na genética ou alimentação do boi, tudo depende do que é exigido pelo frigorífico e pelo mercado consumidor. “Alguns preferem determinada raça, outros animais jovens ou característica específica, afinal, é o nosso comprador quem realizará a venda de cortes e carcaças para os mais diferentes mercados”, comenta.

Conheça seu terreno

Este tópico trata literalmente de conhecer o terreno em que está criando seu boi, isso porque ele faz toda a diferença. O clima predominante na área em que o campo está localizado deve ser uma das principais preocupações na escolha das raças que serão criadas, pois algumas se adaptam mais com o calor intenso do que outras, por exemplo. A disponibilidade de pastagem, a capacidade de lotação de piquetes e o sistema de manejo da propriedade também devem ser levados em conta.

Foco na nutrição

A alimentação do boi também é um ponto fundamental na qualidade final da carne, por isso é preciso dispor de um nutricionista animal para avaliar quais nutrientes devem ser inseridos em cada fase do desenvolvimento do gado. De acordo com Janzen, o boi deve ser alimentado com ração primorosa e ter pastagem de qualidade sempre disponível e em grande quantidade, só assim a engorda será mais rápida e com excelência.

De olho no gerenciamento

O nutricionista alerta que mesmo seguindo todas as orientações anteriores não é possível alavancar com as vendas sem um bom gerenciamento. Isto é, o produtor deve ter a certeza da excelente capacitação de seus colaboradores e dispor sempre em mãos e fazer bom uso das informações de sua propriedade, de seus animais e dos produtos que utilizou para na criação do gado, para que não tome decisões sem estudos prévios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo