Explosões atingem base militar próximo a Damasco, na Síria

Violentas explosões atingiram na noite deste sábado (1º de setembro), por volta das 20h25min (horário de Brasília), uma base militar e o Aeroporto de Mazzé, nas proximidades da cidade de Damasco, capital da Síria. Ainda não há informações sobre mortos e/ou feridos.

De acordo com as primeiras informações, divulgadas agora a pouco pelas principais agências internacionais de notícias, as explosões podem ter sido provocadas pela aviação israelense, que supostamente teria efetuado um ataque na região.

Aeroporto Militar de Mazzé, próximo a Damasco, capital da Síria – Foto: Omar Sanadiki / Reuters

Testemunhas disseram que viram a aviação israelense disparando misseis em direção ao Aeroporto de Mazzé, que ficou parcialmente destruído.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), com sede em Londres, na Inglaterra, confirmou a informação, afirmando ainda que Israel estaria atacando alvos na Síria. Já a imprensa síria informou que a explosão foi causando em decorrência de um problema técnico no depósito de munições.

O Aeroporto Militar de Mazzé fica localizado na periferia Oeste de Damasco, e já foi alvo de vários ataques, tanto de rebeldes sírios, quanto da Força Aérea Israelense.

Nesta base militar funciona os Serviços de Inteligência da Força Aérea Síria e, no início de 2017, foi alvo de um bombardeio aéreo por parte de Israel.

O Governo de Bashar Al-Assad, presidente/ditador da Síria, declarou que a explosão na Base Militar foi provocada por um curto-circuito, que supostamente teria provocando um incêndio no depósito de munições, fazendo-o explodir.

Já o governo de Israel declarou que a aviação e as tropas israelenses continuarão atacando alvos militares iranianos na Síria, principalmente posições do Exército de Bashar al-Assad, que apoiam o regime de Teerã, capital do Irã.

Com informações das Agências France Presse e Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo