PMA e voluntários se unem para limpar o Rio Dourados, em Fátima do Sul (MS)

A Policia Militar Ambiental (PMA) em Mato Grosso do Sul divulgou na manhã desta segunda-feira (15), a informação de que policiais a corporação, juntamente com voluntários, deram início a limpeza do Rio Dourados, em Fátima do Sul, a 232 km de distância de Campo Grande, capital do Estado.

Policiais ambientais e voluntários recolheram cerca de uma tonelada de resíduos do Rio Dourados, em Fátima do Sul – Foto: PMA/MS – Cortesia

De acordo com informações da Assessoria de Comunicação da PMA/MS, a ação aconteceu no sábado (13), no Rio Dourados, e contou com a participação de policiais ambientais e voluntários, além de moradores da Colônia de Pescadores Artesanais.

Foram retirados das águas do Rio Dourados cerca de 1 tonelada de resíduos, entre os quais pneus velhos e uma máquina de lavar roupas, que lotaram um caminhão caçamba.

Também foram encontrados e retirados do rio, carcaças de equipamentos eletroeletrônicos, mesas, cadeiras, tambores plásticos, latas e garrafas pet.

A ação da PMA/MS e de voluntários tem como objetivo alertar a população para a questão ambiental e, sobretudo, sobre a época da piracema, quando a pesca é proibida para permitir a reprodução da espécie.

Ao todo, participaram da ação ambiental 34 embarcações e 94 pessoas, número superior a ação de 2020, quando foram contabilizados 30 embarcações e 60 pessoas.

Todos os resíduos e materiais recolhidos foram levados para o aterro sanitário de Fátima do Sul. Durante a ação os policiais encontraram e cortaram 12 anzóis de galho e duas redes de pesca, que estavam arados ilegalmente as margens do Rio Dourados.

Outro objetivo da ação é o de promover a educação ambiental, sobretudo aos jovens, e chamar a atenção da população local para a questão da poluição do rio.

Com informações da Assessoria de Comunicação da PMA/MS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo