Acidente com ônibus deixa mortos e feridos em São Luiz do Paraitinga (SP)

Um ônibus de turismo com 67 pessoas a bordo tombou na manhã deste sábado (13) na Rodovia Oswaldo Cruz, nas imediações do município de São Luiz do Paraitinga, no Oeste de São Paulo, causando a morte de pelo menos seis pessoas e deixando 34 feridos. Outros 12 passageiros não se feriram e não precisaram de atendimento médico.

Foto: Corpo de Bombeiros/SP – Cortesia

De acordo com informações da Assessoria de Comunicação do Comando Geral da Polícia Militar (CGPM) de São Paulo, o acidente aconteceu por volta das 07h05min (horário de Brasília), no km 76 da rodovia, no trecho de serra. As causas do acidente ainda são desconhecidas, mas já estão sendo investigadas pelas autoridades policiais competentes.

Equipes das Polícias Militar e Civil, da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), do Corpo de Bombeiros, e do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foram acionadas e enviadas para o local. Um trecho da rodovia precisou ser interditado para permitir o socorro às vítimas, que foram levadas para a Santa Casa de Ubatuba, para o Hospital Regional em Taubaté, e para o Pronto-Socorro de São Luiz do Paraitinga.

Ao todo, participaram das operações de resgate 11 viaturas do Corpo de Bombeiros, cinco ambulâncias do Samu e o Helicóptero Águia da Polícia Militar.

A PRE informou que o acidente provocou um congestionamento de 10 km na Rodovia Oswaldo Cruz. O tráfego de veículo já voltou ao normal e o ônibus tombado já foi retirado da pista.

Informações preliminares revelam que o ônibus de turismo saiu de São Paulo com destino a Paraty, tendo o motorista do coletivo perdido o controle da direção, fazendo-o tombar em uma das pistas da rodovia.

Foto: Corpo de Bombeiros/SP – Cortesia

Por causa do feriado do Dia da Proclamação da República, a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) espera um tráfego de aproximadamente 30 mil veículos pela Rodovia Oswaldo Cruz, que já foi liberada.

O ônibus de turismo acidentado pertence a Empresa Viação Arca. Em nota, a empresa informou que lamenta o ocorrido, e que está dando assistência às vítimas e familiares, além de estar colaborando com as autoridades policiais nas investigações sobre as causas do acidente.

Uma testemunha, que pediu para não ser identificada, disse que o motorista do coletivo havia sido parado pela polícia por seguir por um trecho da rodovia onde é proibida a passagem de ônibus. Quando ele tentou voltar perdeu o controle da direção e o veículo tombou.

Alguns passageiros foram arremessados para fora do veículo, que caiu sobre as vítimas.

O Departamento de Estradas e Rodagem (DER) informou que o tráfego de ônibus e caminhões, superiores a 7 metros de comprimento, é proibido pela serra da Rodovia Oswaldo Cruz, por ela ter pistas simples, estreitas e sinuosas.

Com informações da Assessoria de Comunicação do CGPM/MS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo