PF apreende cerca de 155 kg de cocaína no Porto de Santos (SP)

A Polícia Federal (PF) divulgou na tarde deste domingo (19), a informação de que policiais da corporação, com o auxílio da Marinha do Brasil e de agentes da Receita Federal, conseguiram apreender no Porto de Santos, em São Paulo, cerca de 155 quilos de cocaína, que estavam sendo transportados escondidos sob uma carga de açúcar refinado.

Polícia Federal encontra fardos de cocaína em navio no Porto de Santos, em São Paulo — Foto: Divulgação/Capitania dos Portos

De acordo com informações da PF, a apreensão do entorpecente aconteceu na noite de sábado durante a Operação Ágata Arco Sul-Sudeste, que foi comandada pelo 8º Distrito Naval, em conjunto com agentes da Polícia Federal e da Receita Federal, em um dos terminais portuários do Porto de Santos.

A droga estava escondida em um navio graneleiro, sob um carregamento de açúcar, destinado a Nigéria. Os agentes precisaram de 10 horas para chegar ao entorpecente, que estavam embalados em sacos plásticos.

Diante da situação, agentes da Polícia Federal e da Receita Federal cavaram por cerca de 10 horas o carregamento de açúcar para encontrar a cocaína, que foi apreendida.

A droga estava escondida sob um carregamento de açúcar e os policiais federais levaram cerca 10 horas cavando para encontrar a cocaína — Foto: Divulgação/Polícia Federal

Mergulhadores do Comando de Patrulha Naval Sul-Sudeste fizeram a fiscalização sob as águas, para tentar localizar possíveis bolsas com drogas que poderiam estar presas sob o casco do navio. Nada, porém, foi encontrado.

A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia Federal de Santos, em São Paulo, que ficará encarregada pelas investigações. Ninguém foi preso.

A prioridade é tentar localizar o dono do entorpecente e apurar como a droga foi colocada sob a carga de açúcar. Funcionários do Porto de Santos deverão ser investigados.

Com Informações da Assessoria de Comunicação da PF/SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo