Mulheres inspiram e inovam no cooperativismo sul-mato-grossense

Sistema OCB/MS promove série comemorativa que traz histórias inspiradoras

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, o Sistema OCB/MS promove a série “Mulheres no Cooperativismo”, que se dedica a contar histórias de mulheres que se reinventaram e, atualmente, são referência no cooperativismo estadual. Além de mostrar a presença das mulheres nas cooperativas de Mato Grosso do Sul, a série traz diversos exemplos de sucesso e de como o cooperativismo sul-mato-grossense é pautado pela força feminina.

Foto: Divulgação

A série começa dia 08 de março e vai até o dia 25, com posts nas redes sociais do Sistema OCB/MS, cada publicação traz a trajetória de uma mulher. A primeira delas é a própria superintendente do Sistema OCB/MS, Dalva Caramalac, que está à frente da instituição há 35 anos.

Comecei no cooperativismo em 1985, portanto há 35 anos, como executiva do Sistema OCB/MS e imediatamente me identifiquei com os seus princípios e valores fortemente embasados em valores éticos, a começar pelo foco nas pessoas e no bem comum, onde o desenvolvimento econômico está em equilíbrio com o desenvolvimento social. Tendo construído minha trajetória profissional no mundo capitalista, me encantei ao perceber aquele modelo de negócio inclusivo capaz de gerar e compartilhar riquezas, onde o capital humano e não o capital financeiro era o seu maior patrimônio”, declara Dalva.

Ela ainda destaca que o cooperativismo sul-mato-grossense é repleto de mulheres em diversas frentes. “Nesta série, vamos trazer presidentes de cooperativas, diretoras, colaboradoras, conselheiras, cooperadas e jovens, que tiveram suas vidas impactadas pelo cooperativismo e que também contribuíram com esse modelo de negócio que tranforma vidas”, destaca a superintendente.

A presença da diversidade nas empresas e organizações é uma tendência cada vez mais atual e forte na sociedade. Muito mais que ocupar espaços, é preciso escutar e dar voz para as mulheres que contribuem diariamente para o desenvolvimento coletivo. E dentro do cooperativismo não é diferente. A cada dia a presença feminina se torna mais efetiva e positiva.

De acordo com o Anuário do Cooperativismo, a distribuição por gênero do quadro social em 2019, as mulheres representavam 38%8 dos mais de 15 milhões de cooperados. Ao analisar a distribuição por gênero nos sete ramos do cooperativismo, a representatividade destaca-se nos segmentos do Consumo e da Saúde, alcançando mais da metade dos cooperados dos ramos: 51%.

O mês comemorativo será encerrado com uma live no dia 25 de março, às 18h (horário de MS), pelo canal no Youtube do Sistema OCB/MS, que terá a palestra “Liderança Feminina Antifrágil”, com Sabina Deweik e uma bate-papo sobre desafios e oportunidades para a mulher no cooperativismo, com diversas convidadas, dentre elas Tânia Zanella, gerente geral da OCB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo