Volkswagen up! 2021 não recebe o controle de estabilidade de presente de Natal e leva só quatro pessoas

Subcompacto não recebeu o cinto de três pontos central traseiro e teve que abrir mão de um ocupante

Volkswagen UP! 2021

Foto: Divulgação

O Volkswagen up! passou o ano de 2020 em quarentena: mal apareceu nas concessionárias. Somente agora chegou a linha 2021. A novidade é ruim: sem querer investir para fazer o agora obrigatório cinto de três pontos central traseiro, a VW teve que abrir mão daquele lugar. Em vez de atender à legislação, preferiram transformar o carro em um quatro lugares.

A solução fica bem visível: a parte central agora tem um aviso enorme para você nem pensar em colocar uma cadeirinha de criança ali. Ele bem poderia ter adotado o banco do europeu, outra economia.

A única versão disponível é a Xtreme, sempre com motor 1.0 TSI (105/101 cv). Por sua vez, o preço parte de R$ 60.090. A lista de itens de série inclui ar-condicionado, direção elétrica, volante multifuncional, trio elétrico (os vidros traseiros continuam a ser acionados por manivelas), sensor de estacionamento traseiro, rodas de liga aro 15, sistema de som com quatro alto-falantes e dois tweeters, entre outros.

Um pacote aparentemente bom, mas que deixa de lado itens oferecidos por rivais mais modernos, caso do controle de estabilidade. Só há o de tração, um mecanismo que evita que as rodas dianteiras destracionem. Contudo, ele deu uma derrapada nesse quesito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo