Há risco de micose durante o inverno?

Hábitos comuns no inverno criam condições favoráveis para o aparecimento da doença durante a estação

Foto: Divulgação

São Paulo (SP) – Engana-se quem pensa que micose de unha é uma doença de verão. Se na estação mais quente do ano é importante ficar atento a hábitos como andar descalço em locais úmidos, a exposição à areia da praia e pés com sandálias abertas, no inverno a atenção deve ser aos hábitos opostos. Então, fica o alerta: nos meses mais frios também há risco de surgimento da Onicomicose (nome técnico da micose de unha).

Práticas como sapatos fechados, o uso de meias sintéticas – que dificultam a absorção do suor – e não secar bem os dedos e outras dobras criam condições favoráveis para o surgimento da doença, que é mais frequente em áreas com pouca ventilação, úmidas e quentes. “O grande problema é que durante o inverno as pessoas acabam descuidando dos cuidados com os pés, pois a região fica menos visível, facilitando o surgimento das micoses. E, apesar de ser uma doença comum causada por fungos, a micose que não for levada a sério pode ser porta de entrada para que o paciente desenvolva novas infecções”, comenta a dermatologista Dra. Renata Bertino (CRM 5279577-1).

A crença de que a micose é uma doença de verão, somada ao fato de ser um tema pouco abordado, faz com que os sintomas sejam muitas vezes ignorados durante o inverno, podendo complicar o tratamento. “Ao serem diagnosticadas cedo, as micoses têm fácil solução, bastando utilizar medicamentos antifúngicos tópicos, ou seja, feitos para passar no local com micose”, afirma Dra. Renata, que reforça a importância de consultar um médico para receber o tratamento ideal. Loceryl® é um medicamento em forma de esmalte que, com uma ou duas aplicações semanais nas unhas afetadas, forma um filme protetor exclusivo para garantir o tratamento contra os fungos causadores da micose.

Para evitar a necessidade de um tratamento, a prevenção é a melhor alternativa. É preciso cuidar dos pés durante o ano inteiro e alguns cuidados devem ser redobrados no inverno. Para os sapatos, é importante mantê-los sempre limpos, evitar o uso do mesmo par por dois dias seguidos e ventilar os que são mais fechados antes de guardá-los. As meias também merecem atenção, devendo ser mantidas limpas e usadas apenas com os pés bem secos. Com cuidados e um rápido tratamento em caso de micoses, é possível manter os pés saudáveis e livres da doença.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo