Blogueira diverte seguidores com versão de ‘Casos de Família’ online no Instagram

A blogueira e digital influencer Carol Nunes aposta em um formato já consagrado na televisão para atrair a audiência na internet.

Blogueira Carol Nunes – Fotos: Reprodução / MF Press Global

Desde o início dos anos 90, programas de auditório de cunho popularesco como Casos de Família, que está na grade do SBT há onze anos, são sucesso e certeza de alcançar bons índices de audiência durante o horário vespertino.

Inspirada pelo sucesso destes programas na TV, a influenciadora digital e empresária Carol Nunes resolveu divertir os seus seguidores com uma espécie de ‘Casos de Família’ online no seu perfil do Instagram. A iniciativa tem rendido milhares de visualizações.

Na sua versão online do pitoresco programa de TV, Carol responde às dúvidas dos seus seguidores através do Instagram Stories, dando respostas inusitadas às perguntas dos seguidores: “aqui a gente dá conselhos sobre tudo, desde quando a pessoa tem dúvidas se é corno até como separar briga. E o assunto rende mesmo (risos)”, conta a blogueira.

Casos de Família Online

Apresentados na TV por mulheres como Regina Volpato, Cristina Rocha e Luciana Gimenez, o formato trás situações polêmicas que saem da privacidade do seio familiar para se transformar em uma verdadeira lavagem de roupa suja em rede nacional, cercados muitas vezes por polêmicas e que até já tiveram a presença da polícia ao vivo. Os temas variam desde ‘sogras periguetes’ e maridos que traem até polêmicas familiares mais pesados como abuso sexual e violência doméstica.

Na versão online, o objetivo é mais humorístico e tem rendido boas gargalhadas: “a ideia não é causar polêmica. Tudo é uma grande brincadeira e meus conselhos não devem ser levados totalmente à sério. Ao contrário do programa de TV, onde há especialistas que tentam ajudar os convidados que estão ali com um problema, tanto eu como os meus seguidores só queremos rir um pouco e brincar, sem expor ninguém, sem citar nomes e sem prejudicar a imagem daquela pessoa em público.”

Fonte: MF Press Global

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo