Violência em Portugal: Jovens com facas agridem uns aos outros nas praias do Sul

Foto: Divulgação

Portugal já não está mais tão pacífico como antes. A onda de violência no país vai desde furtos, roubos, agressões e rixas de gangues de grande maioria estrangeiros da África, outros são descendentes nascidos no país. No verão do ano passado tiveram até casos de arrastões que não eram comuns no país.

Dois jovens, ambos de 16 anos, foram esfaqueados na tarde de sábado em sequência de uma rixa de praia ocorrida na praia do Tamariz em Estoril, Portugal.

Os jovens foram atendidos na enfermaria da praia e depois transportados para o Hospital de Cascais e correm risco de morte.

Esses acontecimentos estão a tornar-se comuns nas praias de Portugal. São inúmeros jovens de várias cidadanias que se unem e chegam à praia a agredir uns aos outros. Quando vemos chegar este grupo, logo tememos o pior.” disse um morador que preferiu não ser identificado.

As rixas não acontecem apenas nas praias, são muitos os relatos de brigas de gangues nas comunidades de imigrantes e refugiados em Lisboa e em outras cidades do país.

Em Abril deste ano, na cidade de Seixal em Portugal, um homem foi morto vítima de esfaqueamento por outro, ambos caboverdianos, também por rixa.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo