VERTIX e Dr. Bactéria dão dicas de higiene e proteção para reabertura dos salões de beleza

Foto: Divulgação

Com a retomada dos atendimentos nos salões de beleza, o cuidado com a limpeza e a higienização dos materiais precisa de atenção redobrada. Algumas medidas são essenciais para garantir a proteção dos funcionários e clientes do estabelecimento e, para ajudar, o Dr. Bactéria, biomédico parceiro Vertix, separou algumas dicas para garantir a reabertura dos salões com mais segurança.

Algumas dicas que acho importantes são ter uma placa informando a obrigatoriedade do uso de máscara faciais, deixar um capacho na porta com uma solução de 3 colheres de sopa de água sanitária adicionadas 2x ao dia e um tapete seco para que a pessoa consiga secar o calçado antes de entrar no salão. Se a recepcionista puder ficar na entrada passando álcool gel em todos os clientes, melhor ainda. Isso controla a contaminação. Ter equipamentos higienizados e esterilizados é obrigação de todo espaço de beleza, mas, nesse período, indico o uso de materiais descartáveis. Todos os profissionais, cabeleireiros e manicures, devem usar máscaras ou face shield“, sugere o especialista.

Além dos pontos acima, confira outras dicas do Dr. Bactéria para segurança da equipe do salão e dos clientes:

Mantenha a Distância Segura

A primeira medida de segurança é verificar a distância entre as estações de atendimento. “Se no salão trabalha mais de um profissional, verifique a disposição dos móveis para garantir a circulação das pessoas com uma distância razoável entre elas. Retire móveis desnecessários para ampliação dos espaços, garantindo o distanciamento seguro dentro do salão”, sugere o especialista.

Tenha Álcool em Gel Sempre à Mão

“Além da recepcionista, sugiro que todos os profissionais deixem o álcool gel sempre a vista para uso do produto após o procedimento”, reforça o expert. Em caso de procedimentos com tempo superior a duas horas, Dr. Bactéria sugere que os clientes tenham uma máscara extra, que pode ser solicitado antes do atendimento ou disponibilizado pelo próprio estabelecimento.

Agende Horários Espaçados

O parceiro Vertix indica que o agendamento seja feito com horários espaçados para a limpeza do local a cada atendimento. “Um espaçamento de 20 minutos entre cada cliente é o suficiente para realizar a higienização do local ocupado pelo cliente anterior, assim como fazer a troca dos materiais de atendimento.”

Higienize Todos os Acessório

Como já citado, é fundamental a higienização correta de todos os materiais usados nos atendimentos. “Para escovas e pentes indico a lavagem com água e shampoo. Já para acessórios como capas de corte, utilize uma gola higiênica descartável para maior proteção, borrife álcool 70% após cada uso e deixe secar em local arejado”, explica o profissional, que também destaca a importância de não usar a mesma capa em outro cliente sem a higienização. Se o tempo não permitir a limpeza das capas a cada atendimento, Dr. Bactéria sugere as opções descartáveis.

“Para elétricos como chapas, secadores, modeladores e máquinas de corte, limpe apenas com pano limpo umedecido com água mais duas gotas de detergente neutro”, orienta. Por questão de segurança, não utilize álcool na limpeza dos elétricos para não danificar sua estrutura externa. “Por fim, para tesouras de cabelo, após cada corte, use água morna e sabão e seque completamente com uma toalha.”

Manicure e Estética

Os cuidados devem ser adotados em todos os procedimentos realizados nos salões, inclusive para manicures e esteticistas. “Para garantir a proteção das clientes e dos profissionais é indicado usar protetores descartáveis em bacias de manicure e macas usadas em procedimentos estéticos”, pondera o biomédico. Além disso, para os itens de manicure e outros que podem ser esterilizados, é preciso fazer uso da autoclave após cada atendimento.

Regras de Funcionamento

O governo decretou quais são as regras para reabertura de salões de beleza e barbearias devido a pandemia. As regras estabelecidas pelo governo são:

  • apenas 40% da capacidade total do estabelecimento deve ser ocupada;
  • o funcionamento deverá ser de, no máximo, 6h diárias;
  • uso obrigatório de máscaras de funcionários e clientes em todos os ambientes
  • aplicar todos os protocolos criados para este setor, como atender apenas com agendamento e não oferecer ou consumir alimentos e bebidas dentro do estabelecimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo