Recall: Volkswagen convoca T-Cross por defeito na suspensão dianteira

Quase 50 mil unidades do SUV estão envolvidas; falha compromete a estabilidade do veículo e pode causar acidentes

Os reparos podem ser feitos em até 45 minutos, segundo a empresa (Foto: Divulgação)

Os reparos podem ser feitos em até 45 minutos, segundo a empresa (Foto: Divulgação)

A Volkswagen do Brasil convocou um recall de 96% das unidades já produzidas do T-Cross, ano 2020. Dos quase 50 mil veículos vendidos, 48.393 unidades do SUV deverão passar por uma revisão nos amortecedores dianteiros.

O recall abrange todos os veículos fabricados entre 23 de janeiro de 2019 até 10 de fevereiro deste ano, com chassis não sequenciais L4000105 até L4068835 e L49900066 até L4900160.

Será feita uma verificação das porcas e bieletas com uma trava química para resolver o problema (Foto: Divulgação)

Será feita uma verificação das porcas e bieletas com uma trava química para resolver o problema (Foto: Divulgação)

De acordo com a empresa, esses veículos apresentam um afrouxamento nas bieletas dos amortecedores dianteiros, que podem causar ruídos indesejados e, no longo prazo, danificar a peça. Isso comprometeria a estabilidade do veículo, podendo causar acidentes.

Os proprietários dos veículos serão notificados por meio de carta e deverão comparecer a uma das concessionárias Volkswagen a partir do dia 13 deste mês.

Para mais informações e agendamento, a empresa disponibilizou o telefone 0800 019 8866 e também o site www.vw.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo