Como idosos podem fortificar a imunidade prevenindo-se contra o coronavírus?

Bio Mundo dá dicas sobre produtos naturais ideais para a população acima de 60 anos fortalecer o sistema imunológico

Com o cenário de pandemia do COVID-19, torna-se cada vez mais importante fortalecer a imunidade para se prevenir contra o vírus, especialmente para pessoas com 60 anos ou mais, uma vez que são consideradas grupos de risco. Por isso, a Bio Mundo, rede de lojas que busca gerar saúde e bem-estar por meio de produtos saudáveis, traz algumas dicas de como manter a imunidade alta, se protegendo do coronavírus e outras doenças.

Os alimentos ricos em selênio são ótimos para esse momento. O mineral estimula o bom funcionamento do sistema imunológico, potencializando as defesas do organismo. A castanha do Pará é um bom exemplo de fonte de selênio, além de ser altamente nutritivo, sendo rico em gorduras boas que auxiliam na manutenção dos níveis do colesterol.

Outra dica valiosa é ingerir produtos ricos em Vitamina C, que potencializa a imunidade, auxiliando no combate de gripes e resfriados, além de ser um potente antioxidante. Um bom alimento nesse caso é a fruta cranberry, pois além de conter altos níveis de Vitamina C, também ajuda na saúde do sistema urinário. Ela ainda é uma grande aliada de pessoas idosas, pois estão em uma faixa estaria mais vulnerável à infecção do trato urinário, devido à incidência de baixa imunidade e de diabetes nessa etapa da vida.

É fundamental incluir fibras nas refeições, pois ajudam na absorção de vitaminas e minerais, regulando a saúde intestinal, além de estarem ligadas ao sistema de defesa do organismo. Elas fazem com que o efeito das vitaminas e minerais, que ajudam a fortalecer o sistema imunológico, seja maximizado. Por isso, em tempos como esse, é imprescindível consumi-las.

Além disso, é importante manter uma rotina de sono; tomar ao menos 2 litros de água por dia, manter as vacinas em dia e tomar sol, na medida do possível. A Vitamina D, proveniente da luz solar, também é uma ótima aliada do o organismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo