Sebrae apoia movimento “Compre do Pequeno” para preservação dos empregos

Ao priorizar comprar dos pequenos negócios, população contribui para redução dos impactos econômicos do Coronavírus

Para reduzir os efeitos econômicos da crise causada pela expansão do novo Coronavírus, o Sebrae pede aos sul-mato-grossenses para apoiar o movimento “Compre do Pequeno”. A campanha, divulgada pela instituição nos canais televisivos e redes sociais em todo o país, sensibiliza a população a priorizar os pequenos negócios, contribuindo para a manutenção de empregos.

Levantamento feito pelo Sebrae mostra que alimentação fora do lar, varejo tradicional, construção civil, e moda são alguns dos setores mais impactados pela pandemia do Covid 19 no Brasil. Segundo o estudo, além destes, outros 10 segmentos estão entre os mais afetados e respondem por mais de 21,5 milhões de empregos. O total de pessoas empregadas nas pequenas empresas é de 46,6 milhões, segundo dados da RAIS de 2018.

Foto: Divulgação

Para o diretor-superintendente do Sebrae/MS, Claudio Mendonça, os números demonstram a importância de valorizar os pequenos negócios. “Já vínhamos de um período de recessão nos últimos anos, então dificilmente as empresas têm caixa sobrando para suportar este momento. Precisamos do apoio da sociedade. O cidadão pode fazer uma coisa muito importante: comprar do pequeno. Ajude o pequeno empresário que está próximo de você, ajude essa pessoa a continuar gerando emprego, valorizando seu bairro e a sua cidade”.

Além da campanha, outras ações têm sido realizadas para apoiar os pequenos negócios. Em Mato Grosso do Sul, uma delas é o Sebrae Orienta, programa gratuito de aconselhamento que está com inscrições abertas.  “O Sebrae lançou para este momento delicado essa consultoria gratuita e online. Consultores de mercado especializados estão à disposição dos empresários que nos procurarem, são orientações de marketing, gestão financeira, entre outros”, disse Claudio Mendonça.

A instituição também está divulgando diariamente conteúdos para empreendedores e ampliou o atendimento à distância para continuar prestando os serviços pelo telefone, WhatsApp, redes sociais, além da oferta de cursos EAD. “Estamos trabalhando à distância e tentando dar saídas às micro e pequenas empresas. Basta nos procurar em nossos canais oficiais”, disse.

Compre do Pequeno

No vídeo veiculado nas redes sociais do Sebrae e em canais de TV, o presidente do Sebrae Nacional, Carlos Melles, afirma que a melhor maneira de combater a crise é com a preservação dos empregos e mais de 54% das vagas formais no país estão nos pequenos negócios.

Na campanha, ele também ressalta o incentivo da instituição aos empreendimentos que estão se reinventando e também apresenta as principais medidas tomadas pelo Sebrae em nível nacional neste momento de crise.

O Guia da Gestão Financeira para enfrentar a queda do movimento e a redução da produção, as lives diárias pelas redes sociais para esclarecer todas as dúvidas, a página com dicas de gestão e o monitoramento dos setores mais afetados nos pequenos negócios”, finaliza.

Os interessados em atendimentos em Mato Grosso do Sul podem procurar o Sebrae pelo telefone 0800 570 0800, WhatsApp (67) 99683-8811 e redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo