Cica: uma história de amor que transforma vidas há 22 anos na Capital

A instituição contribui com a formação social e educacional de crianças e adolescentes em estado de vulnerabilidade social

Mário de Freitas (CICA) – Foto: Cristina Gomes

O Centro de Integração da Criança e do Adolescente – CICA – há 22 anos tem transformado vidas em Campo Grande.

O coordenador da entidade, assistente social Mário de Freitas, lembrou que a associação nasceu da iniciativa do empresário Francisco Ikeda, com apoio de sua família e um grupo de amigos que acreditaram no sonho de contribuir com a formação social e educacional de crianças e adolescentes, de 6 a 15 anos de idade, em estado de vulnerabilidade social.

A instituição oferece atividades complementares da escola para cerca de 240 frequentadores, de segunda à sexta-feira, nos períodos matutino e vespertino, no bairro Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, na região do Bandeira.

Entre as ações realizadas pelo Cica, destacamos o serviço de convivência e fortalecimento de vínculos familiares, acompanhamento escolar, bem como projetos de musicalização, artes plásticas, esporte e lazer, oficinas de circo, atividades lúdicas, oficina de dança, palestras, rodas de conversas, entre outros. “Temos também o trabalho de valores humanos, que é desenvolvido com cada criança, resgatando os valores essenciais da vida”, acrescentou.

Segundo Mário de Freitas, é colocado em prática um conjunto de ações voltadas à formação social das crianças e dos adolescentes. Para frequentar os projetos, além da disponibilidade de vagas, é preciso morar em região próxima ao Cica; ter inscrição no Cadastro Único (NIS); estar matriculado na escola; e se enquadrar nos critérios de vulnerabilidade e risco social.

Além das ações, o Cica oferece aos seus frequentadores café da manhã, almoço e o lanche da tarde. Para se manter, a instituição conta com apoio financeiro da Distribuidora de Alimentos Francisco Ikeda Ltda; Secretaria Municipal de Assistência Social de Campo Grande; Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho; pessoas jurídicas e físicas. “Todos os tipos de doações são bem-vindas, como por exemplo roupas, alimentos, e recursos financeiros. Se for necessário, temos uma equipe que pode buscar os donativos”, disse o Coordenador.

Vidas transformadas

Para Mário de Freitas, é gratificante trabalhar com uma instituição que muda a vida das pessoas. “O responsável pela oficina de circo do Cica foi um de nossos usuários. Ele entrou aqui com sete anos de idade, e hoje frequenta a faculdade, onde faz o curso de Educação Física. Muitos outros usuários também chegaram à faculdade, conseguiram colocação no mercado de trabalho, conquistando o seu espaço. O comum entre eles é o sentimento de gratidão pelo fato de o Cica ter oferecido as oportunidades que precisavam, transformando a vida deles”, comentou.

O ideal, sugeriu o Coordenador, é que as pessoas visitem a instituição, verificando in loco a grandeza de seu trabalho. “Não tem quem não se encante com o Cica, por ser uma associação que transforma vidas”.

O voluntariado é uma das formas de fazer parte dessa história de amor ao próximo, enfatizou o Coordenador. “Nosso papel é transmitir para essas crianças e adolescentes que eles podem chegar a uma universidade, ser grandes empresários, e profissionais de sucesso. E uma das formas de inspirá-los é mostrando exemplos de superação”.

Serviço:

Centro de Integração da Criança e do Adolescente – CICA

Endereço: Rua Nair Alves e Castro, 113, bairro Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Fone: 67 3387-9627

Site: www.cicams.org

Instagram: @cicaoficial

facebook/cicams

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo