‘Dia de Doar’ promete grande mobilização social em 2020 na Capital

Vereador Chiquinho Telles, Eneias IDE, Celso José CMDCA e prefeito Marquinhos Trad – Foto: Divulgação

Com o sancionamento da Lei nº 6.347/19, de autoria do líder do prefeito na Câmara Municipal, vereador Chiquinho Telles (PSD), Campo Grande se tornou a primeira cidade de Mato Grosso do Sul a instituir o “Dia de Doar”.

Ação social realizada no último dia 3 de dezembro, na Praça Ary Coelho, contou com participação de entidades, e de cidadãos que contribuíram com diversos tipos doações.

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) sancionou a Lei durante a ação, quando ele observou que, até então, não existia em Campo Grande um dia oficial de entrega de doação por parte dos campo-grandenses. “Parabéns vereador Chiquinho Telles, pois enquanto muitos se preocupam apenas com obras, você se sensibiliza com o ser humano, e com o coração das pessoas”, expressou o gestor ao acrescentar que “não é à toa que você vem sendo um destaque na Câmara Municipal”.

Muitos questionam uma pessoa do perfil de Chiquinho Telles chegar a ser vereador de uma Capital, comentou o Prefeito. “As pessoas sempre se perguntam: ‘como pode uma pessoa vindo lá das Moreninhas, pobre, negro, ganhar uma eleição?’. E são essas suas atitudes que mostram que Deus tem tocado o coração das pessoas. Chiquinho Telles pode ser pobre de recursos, mas é rico em caridade, e na alma, no espírito, e é isso que vale no mundo de hoje”.

Prefeito sancionou a Lei do ‘Dia de Doar’ – Foto: Divulgação

As ações do ‘Dia de Doar’ em Campo Grande tiveram a participação atuante do presidente de Instituto de Desenvolvimento Evangélico (Ide), Eneias Andrade Barbosa, e do presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente (CMDCA), Celso José Santos.

Em 2020, declarou otimista o Parlamentar, o evento vai conseguir mobilizar muito mais pessoas, incentivando gestos de solidariedade em um dia especial. “Com essa mobilização, que acontece em âmbito mundial, temos como objetivo promover a cultura da doação, com isso despertando no coração das pessoas a generosidade e o sentimento de solidariedade”, disse.

História do Dia de Doar

O Dia de Doar teve início em 2013 em nosso País, um ano depois da primeira edição realizada nos Estados Unidos, em 2012.

O Brasil passou a fazer parte, a partir de 2014, do movimento global, que hoje conta com 55 países participando oficialmente, e ações sendo realizadas em mais de 190.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo