Após queimadas, cana-de-açúcar é a nova ameaça para Amazônia e Pantanal

Foto: Repórter Brasil/Cortesia

O presidente Jair Bolsonaro revogou em novembro decreto que proibia a expansão canavieira na floresta amazônica e no Pantanal. A medida abre caminho para o cultivo de cana nessas regiões e, segundo pesquisadores, para mais desmatamento, queimadas e conflitos por terra.

Leia a reportagem completa

Fonte: Repórter Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo