Deputados devem votar hoje continuação da reforma trabalhista

Nove razões para o trabalhador se preocupar com a MP da 'Liberdade Econômica'

Foto: Repórter Brasil

Prevista para ser votada hoje (13) na Câmara dos Deputados, a medida provisória da ‘Liberdade Econômica’ ameaça o pagamento de horas extras, acaba com adicional e folga aos domingos e permite que trabalhadores rurais não tenham descanso em época de safra. Além disso, enfraquece a fiscalização trabalhista e dificulta a punição a maus empregadores. São nove pontos que podem afetar a sua vida.

  1. Empregado poderá trabalhar aos domingos sem pagamento em dobro
  2. Trabalhadores rurais ficarão sem folgas em época de safra
  3. Contratos acima de 30 salários mínimos poderão perder férias de 30 dias e outras garantias da CLT
  4. Fiscal não poderá multar na primeira visita
  5. Após multa, empregador poderá recorrer sem pagar e terá julgamento final não técnico
  6. Politização dificultará inclusão de empresas na ‘lista suja’ do trabalho escravo
  7. Trabalhador terá mais dificuldade de receber indenização na Justiça
  8. MPT terá dificuldades para firmar acordos

9.Fiscais não poderão interditar locais insalubres ou perigosos

Leia a reportagem completa

Fonte: Repórter Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo