3º Fórum Brasileiro de Agricultura Sustentável começa na próxima segunda (05/08) com vagas limitadas

O evento acontecerá em Campo Grande/MS, de 5 a 7 de agosto, com 11 palestras de temas variados que atendem ao tripé ambiental, econômico e social da produção agrícola

Mato Grosso do Sul sedia a 3ª edição do Fórum Brasileiro de Agricultura Sustentável – A Evolução Verde, que acontece de 5 a 7 de agosto, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande. As inscrições estão abertas e as vagas são limitadas. Durante os três dias do evento, haverá palestras sobre como aplicar a sustentabilidade na agricultura, sob a ótica do tripé ambiental, econômico e social.

O Fórum é realizado pelo GAS (Grupo Agricultura Sustentável), entidade que busca fomentar uma nova agricultura no Brasil, em resposta à crescente demanda mundial pela produção sustentável de alimentos. Durante o evento, os participantes poderão entender como sistemas produtivos mais equilibrados e integrados à natureza podem gerar economia – de até 50%, segundo o presidente do GAS, Rogério Vian.

Rogério Vian, presidente do GAS. – Foto: Laura de Paula

“Nós pensamos que a agricultura precisa ser feita regionalmente. Esse sistema de agricultura industrial, com insumos importados e custos subindo, está na hora de mudar. Como agricultores, nós precisamos de insumos regionais e temos isso no Brasil”, diz Vian, ressaltando que “a sustentabilidade começa pela economia”.

O evento

As duas primeiras edições do Fórum aconteceram em Goiânia-GO. Em 2018, as vagas esgotaram com cerca de 500 participantes, entre eles agricultores, pesquisadores e empresários. A organização do evento espera ampliar o número de participantes, com a presença de produtores rurais, empresários, consultores, pesquisadores e profissionais do agronegócio de todo o Brasil e até do exterior.

Na edição deste ano, a capital sul-mato-grossense foi eleita para também sediar o Fórum devido sua posição geográfica estratégica, conta Rogério Zart, um dos coordenadores do GAS em Mato Grosso do Sul. Ele destaca ainda que o interesse dos produtores locais pesou na escolha. “Temos verificado um grande número de produtores do Mato Grosso do Sul que estão aderindo ao sistema de agricultura sustentável. É significativo em relação a outros Estados”, comenta Zart, que também é agricultor.

Rogério Zart, agricultor e coordenador do GAS em MS. – Foto: Divulgação

A programação conta com palestras de assuntos diversos voltados à sustentabilidade, como fertilidade com agrominerais regionais, microbiologia para controle de pragas e doenças, mix de plantas de cobertura, melhoramento genético, custos de produção e potencialidades do mercado de produtos sustentáveis, homeopatia na agricultura, relações entre solo, qualidade dos alimentos e saúde, entre outros. O conteúdo será ministrado por pesquisadores de universidades renomadas, institutos de pesquisa e agricultores. (Consulte a programação abaixo).

“A programação está bem elaborada, com palestras e um minicurso para quem está iniciando os processos da agricultura sustentável, em que vamos destacar manejos básicos nas questões de biológicos, por exemplo, priorizando a aplicação do sistema de multiplicação on farm, na própria fazenda”, detalha Zart. Ele frisa a técnica de rochagem, que é a aplicação de pó de rocha para mineralização natural do solo, e a utilização de plantas de cobertura para a formação de palhada, com objetivo de construir perfil de solo.

As inscrições são realizadas pelo site: http://grupoagrisustentavel.com.br/inscricoes/. Saiba mais sobre o evento no site http://grupoagrisustentavel.com.br.

Foto: Divulgação

Programação

Segunda-feira, 05 de agosto

12h30-13h30 – Credenciamento do Minicurso

13h30-15h30 – Painel: Adubação com pó de rocha, com os integrantes do GAS: Antônio Bizão, Antônio Lodo e Flávio Faedo

15h30-16h00 – Coffee Break

16h00-18h00 – Painel: Controle Biológico de Pragas e Doenças e Multiplicação “On Farm”, com os integrantes do GAS: Felipe Loeff, Gino Margotto, Martin Simeon e Reginaldo Mensch.

17h30-19h00 – Credenciamento do Fórum

19h00-20h00 – Abertura Oficial

20h00-21h30 – Palestra: O Modelo da Agricultura Sempre-Verde, com Ruy Caldas (UFMS)

21h30-00h00 – Coquetel

Terça-feira, 06 de agosto

08h30-09h45 – Palestra: Pó de Rocha para Grandes Culturas: Interações Microbiológicas e seus Impactos na Produtividade, com Carlos Crusciol (Unesp)

09h45-10h15 – Coffee Break

10h15-11h30 – Dinâmica: A Evolução Verde, com membros do GAS

12h30-14h00 – Almoço e Sessão de Pôsteres

14h00-15h00 – Palestra: Estratégias do Melhoramento Genético Participativo para Sistemas de Produção Sustentável, com Altair Machado (Embrapa)

15h00-16h15 – A importância da diversidade de plantas no Sistema de Plantio Direto, com José Eduardo de Macedo Soares Jr. (Zecão; agricultor)

16h15-16h45 – Coffee Break

16h45-18h00 – Palestra: Manejo das Micro Biodiversidades para Controle de Doenças e Pragas de Plantas, com Celso Tomita (Tomita AgroÖikos)
18h00-19h30 – Mesa-redonda

19h30 – Encerramento do 2º dia

Foto: Divulgação

Quarta-feira, 07 de agosto

08h00-09h15 – Palestra: Fundamentos da Gestão de Custos de Produção na Agricultura Sustentável, com Antonio Chaker (Inttegra)

09h15-10h30 – Palestra: Mercado para Produtos Sustentáveis e Diferenciados: Onde Estão e Onde Estou?, com Eduardo Pastos (AIPC) e Artur Tacla (Corall Consultoria)

10h30-11h00 – Coffee Break

11h00-11h45 – Palestra: A Experiência da Korin na Consolidação do Mercado de Produtos Sustentáveis, com Luiz Carlos Demattê Filho (Korin)

11h45-12h45 – Mesa-Redonda

12h45-14h15 – Almoço e Sessão de Pôsteres

14h15-15h30 – Palestra: Revitalização de Solos de Soja, Milho e Trigo com o Método Agrohomeopático, com Tadko Tichavský (Instituto Comenius)
15h30-16h00 – Coffee Break

16h00-17h15 – Solo x Qualidade do Alimento x Saúde, com Carin Primavesi (Agroecologista e nutricionista funcional)

17h15-18h15 – Mesa-Redonda

18h15 – Encerramento do Fórum

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo