Assembleia Legislativa de MS aprova lei proibindo uso de canudos de plástico em Campo Grande

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul aprovou nesta quinta-feira (27) por 14 votos a 3, um Projeto de Lei que proíbe o fornecimento de canudos de plásticos em restaurantes, bases, padarias e similares que comercializam bebidas em Campo Grande. A partir de hoje, os estabelecimentos da capital terão que disponibilizar canudos de papel aos clientes e consumidores.

Os canudos de plásticos se tornaram nos últimos anos os vilões do meio ambiente, superando inclusive a sacolinha plástica distribuída nos supermercados da capital sul-mato-grossense.

Segundo especialistas, a vida útil de um canudo de plástico é de mais ou menos 10 minutos, mas o impacto para a natureza é de aproximadamente 300 anos, tempo para que o material se decomponha.

O grande problema do canudinho de plástico é a forma irregular como é descartado, facilitando que animais silvestres ingiram o material, causando sérios transtornos e males para eles.

Essa preocupação foi parar na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, tendo alguns parlamentares se proposto a elaborar um Projeto de Lei para proibir a fabricação, comercialização e distribuição no Estado. Esse projeto começou a tramitar no legislativo há cerca de um ano e finalmente foi votado essa semana.

O projeto, no entanto, proíbe o fornecimento de canudos de plásticos em restaurantes, bases, padarias e similares que comercializam bebidas apenas na capital, não contemplando as demais cidades sul-mato-grossenses.

Na votação desta quinta-feira, representantes do comércio da capital pediram mais tempo para debater o projeto e se adequarem as novas regras.

De acordo com o secretário da Associação Comercial de Campo Grande, Roberto Oshiro, o Projeto de Lei poderá prejudicar comerciantes e consumidores campo-grandenses.

Vários Estados e Cidades brasileiras seguiram a mesma linha e já proibiram a fabricação, comercialização e distribuição dos canudos de plásticos. Em Mato Grosso do Sul, apenas a Câmara Municipal de Corumbá, aprovou no mês passado um projeto de lei proibindo o canudo de plástico na cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo