5 dicas para cuidar dos dentes no Carnaval

Odontologistas da Smilink explicam quais são os cuidados necessários para se ter em períodos de festas e viagens

Foto: Divulgação

Chegou o Carnaval, o feriado mais longo e alegre do ano. É o momento em que os foliões vão para as ruas, enquanto outras pessoas preferem fugir da comemoração e viajar para lugares mais tranquilos ou simplesmente optam por ficar em casa assistindo filmes e comendo besteiras, afinal, na folga pode. No entanto, os cuidados com a saúde bucal não podem ser deixados de lado, principalmente após comer as famosas “besteiras”, como doces e salgadinhos, beber e vivenciar uma maratona de bloquinhos ou horas a fio no trânsito. De acordo com Thais Sampaio, dentista da Smilink, healthtech do setor odontológico que tem a visão de revolucionar o mercado de ortodontia com o uso da tecnologia 3D, o número de casos de cáries e sensibilidade nos dentes e gengivas aumenta significativamente nesse período.

“O brasileiro por natureza aguarda o Carnaval, seja quais forem os planos que vão ser colocados em prática durante o período de descanso. A questão é que em todos esses planos, muitas vezes a higiene bucal acaba ficando de lado. O que as pessoas não podem esquecer é que abrir mão dos cuidados é um risco, mesmo que por períodos curtos”, diz Thais.

André Garcia, também dentista da empresa, explica ainda que a formação das placas bacterianas, grandes vilãs dos dentes, demora aproximadamente, 24 horas. “Apesar de as cáries não surgirem automaticamente, a placa atinge primeiramente o esmalte, podendo provocar hipersensibilidade. Se não acontece a escovação, as bactérias começam a alcançar a dentina, camada mais baixa, aumentando as chances de surgirem dores”.

Para não ter as comemorações interrompidas por problemas odontológicos, confira algumas dicas de cuidados dos odontologistas, que devem ser redobrados durante as festividades:

Escovação e fio dental

Parece básico, mas muitas pessoas relaxam nesse quesito durante as comemorações de Carnaval. A recomendação da Sociedade Brasileira de Odontologia é de que a escovação seja feita três vezes ao dia. Para a dentista, “A ideia é não deixar que a placa bacteriana se torne rígida. Como nesse período ingerimos muita glicose, é imprescindível seguir a risca essa orientação”. Por isso, mesmo cansado, não deixe de manter os cuidados básicos. Se preciso, leve um kit de higiene bucal com você para onde for.

Invista em enxaguante bucal

Nem todo mundo tem o costume de utilizar enxaguante bucal após a escovação. No entanto, a profissional orienta que ele seja implementado a rotina, principalmente nesse período. “Os enxaguantes auxiliam no controle da saúde bucal, e como nesse período o consumo de doces e salgadinhos é maior, sua utilização é importante”. Mas não se esqueça, os enxaguantes são algo a mais, e não substituem a escovação.

Beba mais água

Que a água faz bem para o nosso corpo e pele não é segredo para ninguém. No entanto, o que pouca gente sabe é que ela também é capaz de manter os níveis de minerais em nossa boca corretos, estimula a saliva e auxilia na limpeza de toda a boca. “Quando bebemos pouca água, a nossa produção de saliva diminui, o que pode causar acúmulo de alimentos entre os dentes e aumentar o mau hálito”, explica André. Além disso, a água é fundamental para manter o organismo hidratado.

Cuidado com alimentos duros

Garcia também ressalta a importância de não utilizar os dentes para abrir alimentos duros. “Em hipótese alguma quebre castanhas ou utilize a boca para abrir garrafas, por exemplo. Apesar dos alimentos duros estimularem a produção da saliva, eles podem facilmente quebrar um dente”.

Evite palitar os dentes

Palitar os dentes pode ser perigoso para a sua gengiva. “A preferência sempre deve ser para o fio dental, que além de não machucar, alcança espaços que o palito não vai conseguir”, finaliza o especialista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo