PRF apreende contrabando de cigarros na BR-060, próximo a Maracaju (MS)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Mato Grosso do Sul divulgou na manhã desta sexta-feira (16/02), a informação de que policiais da corporação conseguiram apreender na Rodovia BR-060, nas proximidades do município de Maracaju, a 141 km de distância de Campo Grande, capital do Estado, cinco carretas carregadas com cigarros contrabandeados. Cinco pessoas foram presas em flagrante.

De acordo com informações da Assessoria de Comunicação da PRF/MS, as apreensões dos pacotes de cigarros e as prisões dos suspeitos aconteceram no decorrer desta semana, durante fiscalizações de rotina. Essa já está sendo considerada a segunda maior apreensão de cigarros contrabandeados no país.

Foto: PRF/MS – Divulgação

Segundo os dados que constam nos respectivos Boletins de Ocorrências (BO), os policiais rodoviários federais faziam blitz quando avistaram as carretas e sinalizaram para que os condutores parassem os veículos.

Durante a vistoria nas respectivas carretas os policiais encontraram caixas contendo pacotes de cigarros, sendo que os motoristas não apresentaram nota fiscal e/ou qualquer documento comprovando a origem lícita da mercadoria, caracterizando dessa forma o contrabando.

No total, foram apreendidas cinco carretas e 900 caixas de cigarros contrabandeados, totalizando 225 mil pacotes (2.250 mil maços). O valor total da carga é de aproximadamente R$ 12 milhões. Dos cinco presos, quatro são reincidentes.

Os policiais rodoviários federais informaram ainda que um dos motoristas conseguiu fugir, evadindo-se do local quando a carreta estava sendo vistoriada. Ele teria se embrenhado na mata existente as margens da rodovia e, apesar das buscas realizadas imediatamente, ele não foi encontrado.

Os suspeitos, juntamente com as carretas e os carregamentos de cigarros, foram levados para a Superintendência da Polícia Federal (PF) em Campo Grande, onde todas as providências cabíveis foram tomadas.

Com informações da Assessoria de Comunicação da PRF/MS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo