Fiscais do DNPM flagram mineração ilegal no Sudoeste de Mato Grosso do Sul

Foto: DNPM/Divulgação

A Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul (Sejusp) divulgou na manhã desta quinta-feira (26/10), a informação de que policiais civis e fiscais do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), flagraram nas respectivas zonas rurais de Jardim e guia Lopes da Laguna, Região Sudoeste do Estado, maquinários explorando ilegalmente minérios. Os operadores das máquinas foram detidos e levados para as respectivas Delegacias de Polícia Civil.

De acordo com informações da Assessoria de Comunicação da Sejusp/MS, os flagrantes aconteceram na manhã e na tarde desta quarta-feira (25/10), durante fiscalizações de rotina.

Informações preliminares revelam que o maquinário da Prefeitura Municipal de Jardim estava sendo utilizado na exploração ilegal de minério. A equipe de reportagem tentou entrar em contato com a Assessoria de Comunicação do Poder Executivo Municipal, mas até o momento não obteve êxito.

Foto: DNPM/Divulgação

Os dois operadores foram autuados e detidos, tendo sido ambos encaminhados as respectivas delegacias de Polícia Civil, onde foram novamente autuados, desta vez por crime ambiental.

Durante a fiscalização os policiais e fiscais apreenderam os maquinários e interditaram os respectivos locais onde estavam sendo realizados as explorações ilegais. As atividades foram suspensas por tempo indeterminado.

Os fiscais do DNPM constataram que as máquinas estavam retirando cascalhos das terras, sendo que esta operação só pode ser feita com autorização de um órgão ambiental federal.

A Assessoria de Imprensa do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) informou que pela quantidade de material extraído em uma das propriedades rurais, o dono poderá ser multado em até R$ 1 milhão.

Com informações das Assessorias da SEJUSP/MS e do DNPM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo