Após Operação Carne Fraca, rumo da pecuária será discutido com cerca de 200 pecuaristas na capital

Foto: Divulgação

“O gado não pode esperar no pasto”. A afirmação do presidente do Sindicato Rural de Campo Grande, Ruy Fachini Filho, refere-se à preocupação do setor produtivo em relação à Operação Carne Fraca, deflagrada pela Polícia Federal, no dia 17 de março, que impactou diretamente em todos os elos da cadeia produtiva. O assunto e a projeção do setor serão debatidos junto a 200 pecuaristas durante o 30º Encontro de Tecnologias para Pecuária de Corte, na próxima segunda-feira 3, a partir das 07h, no auditório do Sindicato Rural de Campo Grande.

“O produtor precisa ter cautela, considerando a atual situação de retrocesso, no mercado de reposição, por exemplo. Nós temos conta a pagar e o nosso custo é alto, por isso, medidas precisam ser tomadas para que o impacto da ‘Carne Fraca’ seja amenizado”, constata o presidente.

Na programação do evento a primeira palestra tem como tema ‘Clima e Pecuária’, ministrada pelo professor da UFOB – Universidade Federal do Oeste da Bahia, Ricardo Reis; em seguida, o presidente do GTPS – Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável, Francisco Beduchi, falará sobre sustentabilidade na pecuária.

O superintendente de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de MS Renato Roscoe vai ministrar a palestra ‘Uso de drones na pecuária de precisão’. E, por último, o coordenador do Rally da Pecuária da Agroconsult, Mauricio Palma Nogueira, abordará o tema: “O que está acontecendo e para onde vai a pecuária?”, assunto que vai nortear estratégias dos pecuaristas, diante do atual cenário.

O evento é gratuito para associados ao Sindicato Rural e as vagas são limitadas. Para mais informações, acesse entre em contato pelo telefone:67 3341-2151. Realizado pelo Sindicato Rural de Campo Grande, o Encontro tem apoio da Embrapa Gado de Corte, Governo de MS e MNP – Movimento Nacional de Produtores, com patrocínio do Sistema OCB/MS e Sistema Famasul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo