PRF apreende droga e armas na BR-262, próximo a Água Clara (MS)

Foto: PRF/MS – Divulgação

Foto: PRF/MS – Divulgação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Mato Grosso do Sul divulgou na manhã desta quinta-feira (15/09), a informação de que policiais da corporação conseguiram apreender na Rodovia BR-262, nas proximidades do município de Água Claras, a 179 km de distância de Campo Grande, capital do Estado, drogas e armas que estavam sendo transportados em um veículo de passeio. Um homem de 48 anos foi preso em flagrante.

De acordo com informações da Assessoria de Comunicação da PRF/MS, as apreensões e a prisão do suspeito aconteceram na tarde desta quarta-feira (14/09), durante uma fiscalização de rotina.

Segundo os dados que constam no Boletim de Ocorrência (BO), os quais foram repassados à imprensa, os policiais faziam uma blitz na rodovia quando avistaram um veículo modelo Mercedes Benz I/M ML 350, de placas de Paranavaí (PR), trafegando por uma das pistas, e sinalizaram para que o condutor parasse o automóvel.

Durante a abordagem, os policiais rodoviários federais checaram os documentos do motorista e os do veículo, e constataram que os mesmos estavam aparentemente em ordem. No entanto, eles perceberam que o homem estava excessivamente nervoso e, desconfiados, decidiram vistoriar o veículo.

Durante a vistoria foram encontrados e apreendidos em compartimentos falsos, 75 quilos de cocaína, 10 pistolas de calibre 9 mm, 20 carregadores e 260 munições calibre 50 mm. A droga, que estava dividida em tabletes, prontas para ser comercializada, foi avaliada em R$ 1,1 milhão.

Diante dos fatos e das evidências, os policiais rodoviários federais deram voz de prisão ao suspeito, que juntamente com a droga, com o armamento e as munições, foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Federal em Três Lagoas.

Em depoimento, o suspeito disse que havia adquirido o veículo, já ‘preparado’, em Campo Grande (MS), com o objetivo de levar a droga e o armamento para Três Lagoas (MS), onde deveria entregar a um homem não identificado.

Com informações da Assessoria de Comunicação da PRF/MS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo