Estudantes do IFMS participam de Feira de Ciências da USP

IFMS é a instituição do centro-oeste com mais projetos – Foto: Delegação IFMS

IFMS é a instituição do centro-oeste com mais projetos – Foto: Delegação IFMS

Até a próxima sexta-feira, 18, servidores e estudantes do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) participam da edição 2016 da Feira Brasileira de Ciências e Engenharias (Febrace), realizada pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), na capital paulista.

A delegação do IFMS é composta por oito servidores e 12 estudantes, além de seis egressos da instituição. Pela segunda vez consecutiva, é a instituição do centro-oeste que mais apresenta projetos de pesquisa no evento.

São 12 trabalhos no total, desenvolvidos nos campi Aquidauana, Campo Grande, Corumbá, Coxim, Ponta Porã e Três Lagoas, conforme a tabela abaixo.

“Há trabalhos em todas as áreas do conhecimento e acredito que o IFMS irá conquistar novamente prêmios neste ano. A participação contribui para o desenvolvimento da comunicação dos estudantes, além de proporcionar que tenham contato com outros alunos, professores e áreas de pesquisa”, aponta a professora do Campus Coxim, Angela Kwiatkowski, chefe da delegação.

Ela também é orientadora de dois projetos apresentados no evento, entre eles, um que estuda o potencial antimicrobiano do estigma de milho, conhecido como cabelo de milho.

“Verificamos que ele tem alto teor de proteínas, minerais e flavonoides. Também tem efeito bacteriostático, que inibe o crescimento das bactérias e ajuda a prevenir doenças. A próxima etapa do projeto é desenvolver um sabonete líquido e um creme antimicrobiano”, explica um dos responsáveis pela pesquisa, o estudante do técnico integrado em Informática, Alércio Soutilha, 17.

Pela primeira vez participando da Febrace, ele acredita que a experiência irá contribuir para seu desenvolvimento educacional.

“Está sendo uma experiência incrível, uma grande oportunidade de conhecer trabalhos de outros estudantes. O que mais gostei é ver o interesse deles de querer mudar o mundo, criar soluções para os problemas do dia a dia”, afirma o estudante.

Equipe representa o Campus Três Lagoas no evento – Foto: Delegação IFMS

Equipe representa o Campus Três Lagoas no evento – Foto: Delegação IFMS

Participação – Os trabalhos foram credenciados por meio da submissão direta à organização da Febrace e também em eventos como as feiras de ciência e tecnologia promovidas pelo IFMS em Corumbá (Fecipan) e Ponta Porã (Fecifron), Feira de Tecnologias, Engenharias e Ciências de Mato Grosso do Sul (Fetec/MS), Expociência Centro-Oeste e Feira de Ciências e Engenharias (Fecen).

Por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação (Propi), o IFMS apoia a participação no evento ofertando diárias a servidores e auxílio financeiro aos estudantes regularmente matriculados na instituição, para reembolso do valor de inscrição, transporte, e custos de alimentação e hospedagem.

IFMS – O primeiro ano de participação do IFMS na Febrace foi em 2012, com um projeto do Campus Campo Grande premiado.

No ano seguinte, a delegação conquistou oito prêmios. Em 2014, o número chegou a 14.

Já no ano passado, o Instituto conquistou a maior premiação alcançada nos quatro anos de participação. Foram 16 prêmios para cinco projetos dos campi Aquidauana, Campo Grande, Nova Andradina, Três Lagoas.

Angela (à esquerda) é chefe da delegação e orientadora de dois projetos na Febrace – Foto: Delegação IFMS

Angela (à esquerda) é chefe da delegação e orientadora de dois projetos na Febrace – Foto: Delegação IFMS

Febrace – A 14ª edição da Feira reúne 341 projetos de 752 estudantes dos ensinos fundamental, médio e técnico de escolas públicas e particulares de todo o Brasil. Eles são orientados por 476 professores.

O evento conta com apoio do Ministério da Ciência Tecnologia e Inovação (MCTI), da Secretaria de Ciência e Tecnologia para Inclusão Social (SECIS – MCTI), do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

A mostra pública de projetos será promovida até quinta-feira, 17, das 14h às 19h, em uma tenda instalada no estacionamento da Escola Politécnica da USP, em São Paulo. A entrada é gratuita e aberta ao público.

A cerimônia de premiação dos projetos está marcada para ocorrer na tarde de sexta-feira, 18.

Mais informações sobre a Feira estão disponíveis na página oficial do evento. O endereço http://febrace.org.br/.

Relação de projetos do IFMS apresentados na Febrace

CampusTítulo
AquidauanaPrendendo fantasmas em robôs: um novo método de controle de design para próteses mioelétricas transradiais e rearranjo neuronal do mapa de penfield para feedback tátil
Campo GrandeVibroglobe: reconhecimento de ondas sonoras através do tato
Do the Evolution: inteligência artificial aplicada no desenvolvimento de um objeto de aprendizagem sobre evolução
Sistema de apoio ao agricultor no processo de controle da deviva na pulverização de agrotóxicos
CorumbáCaracterização quanto à corrosão do aço aisi 1020 exposto à solução de ácido nítrico (HNO3)
Complexo do Pantanal: intermapa um olhar cartográfico no sistema de transporte de Corumbá-MS, a produção de maquete tátil no ensino de geografia e metalurgia
CoximExtração de compostos fenólicos de estigma de milho com alta atividade antioxidante e avaliação do seu potencial bactericida e bacteriostático em Escherichia coli staphylococcus aureus
Avaliação da aplicação de extratos de compostos bioativos de sementes de fruto de mamão em análise antimicrobianain vitro
Ponta PorãEpifania fronteiriça: possíveis diálogos entre as ditaduras militares brasileira e paraguaia
Waterlife: monitor de qualidade de água
Agroduíno – sensoriamento agrícola
Três LagoasDeterminação do teor cloro usando um reagente de baixo custo e telefone celular

 

Originalmente publicado emhttp://www.ifms.edu.br/2016/03/16/estudantes-participam-feira-brasileira-ciencia-em-sp/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo