Programa Agrinho vai instruir 400 estudantes em Figueirão

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Cerca de 200 alunos da Escola Municipal de Figueirão Antônio Inácio Furtado e 200 da Estadual Dr. Arnaldo Estevão de Figueiredo, do 1º ao 9º ano do ensino fundamental, serão instruídos pelos professores quanto a importância do campo e sua conexão com a cidade. A iniciativa do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul (Senar/MS), começará repassando a metodologia do Programa Agrinho, a 25 professores do ensino fundamental, que posteriormente repassarão aos alunos fundamentos relacionados à ética, diversidade cultural, meio ambiente, trabalho e consumo, saúde, orientação sexual, além de temas locais. A primeira fase de orientação dos professores será na próxima sexta-feira (19), na escola estadual, em período integral.

​Nesta primeira etapa os educadores receberão orientação sobre a metodologia do Senar e do programa Agrinho, por meio de treinamento que é restrito aos professores das escolas participantes. Após o circuito de capacitações, Figueirão e em outros 39 municípios, serão entregues os materiais didáticos para professores e alunos.

“A atual grade do ensino público privilegia alguns pontos, mas deixam a desejar em outros critérios. O Agrinho, além de fazer essa conexão com a cidade, que tem o rural em sua base econômica, cobre uma lacuna, corrigindo conceitos deturpados na sociedade. São conceitos culturais que, historicamente, tratamos de forma errônea”, enfatiza o prefeito Rogério Rosalin, ao caracterizar o Programa, como fonte de informações que não estão nos atuais livros didáticos.

O Programa Agrinho/MS foi iniciado no Estado em junho de 2014. Ano passado, foram contemplados 21 municípios e 64 mil alunos da rede pública municipal e estadual de ensino. Este ano atenderá 348 escolas e 120 mil alunos serão atendidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo