PM apreende pistola e prende suspeito durante blitz em bairro de Campo Grande (MS)

Foto: PM/MS/BPTran – Divulgação

Foto: PM/MS/BPTran – Divulgação

A Polícia Militar de Mato Grosso do Sul divulgou na manhã deste sábado (25/07), a informação de que policiais da corporação, lotados no Batalhão de Trânsito, conseguiram apreender em um dos bairros de Campo Grande, capital do Estado, uma pistola modelo 638. Um rapaz de 27 anos foi preso em flagrante, acusado de porte ilegal de arma de fogo.

De acordo com as informações da Assessoria de Comunicação do Comando Geral da Polícia Militar (CGPM), a apreensão da arma e a prisão do suspeito aconteceram na noite desta sexta-feira (24/07), por volta das 20h15min (horário de MS), na Avenida Ernesto Geisel, próximo a um shopping, durante uma blitz de rotina.

Além do Batalhão de Polícia Militar de Trânsito (BPTran), também participavam da blitz, a Guarda Civil Municipal (GCM) e a Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran).

Segundo os dados que constam no Boletim de Ocorrência (BO), os quais foram repassados à imprensa, policiais militares avistaram um veículo de passeio trafegando pela via pública, e sinalizaram para que o condutor parasse o carro.

Durante a abordagem os policiais militares checaram os documentos do condutor, um rapaz de 27 anos, que trabalha como motorista de uma empresa, e os do veículo, e constataram que os mesmos estavam aparentemente em ordem.

Como o rapaz ficou nervoso, os policiais militares decidiram vistoriar o veículo, e solicitaram a ele que descesse do carro e que esperasse ao lado das viaturas.

No carro os policiais encontraram e apreenderam uma pistola modelo 638, um carregador, e nove munições. Questionado, o condutor disse possuir o registro da arma, e apresentou o documento.

No entanto, como o rapaz não possuía licença para carregar a arma, ficou caracterizado o porte ilegal de arma de fogo.

Diante dos fatos, os policiais militares deram voz de prisão ao motorista, que juntamente com a arma foi encaminhado para a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) do Centro, onde foi autuado por porte ilegal de arma de fogo. Após pagar uma fiança no valor de 1 salário mínimo, ele foi liberado, mas a pistola ficou retida.

Dados preliminares revelam que a blitz realizada ontem resultou em 71 infrações, sendo 4 apreensões de Carteiras Nacional de Habilitação (CNH), 21 apreensões de Certificados de Licenciamento Anual (CLA), 17 motocicletas e 14 veículos de passeio apreendidas e recolhidas ao pátio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) de Campo Grande.

Com informações da Assessoria de Comunicação do CGPM/MS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo