Papa se reúne com autoridades eclesiásticas da Amazônia

Pontífice agradeceu trabalho das organizações

O papa Francisco recebeu nesta segunda-feira, em audiência no Vaticano, representantes da Conferência Eclesial da Amazônia (CEAMA) e Rede Eclesial Pan-Amazônica (REPAM) e agradeceu ao trabalho realizado por ambas as organizações no território da Amazônia.

Papa se reúne com autoridades eclesiásticas da Amazônia

Francisco lembrou drama vivido pelas comunidades no território (Foto: Ansa)

“A Amazônia reconhece o papa Francisco como o ‘avô’.

É assim que o chamam, o avô, e para os povos originários o avô é o sábio, o que guia, a pessoa que não tem outro interesse senão poder servir e animar a vida”, explica o cardeal peruano Pedro Ricardo Barreto Jimeno, presidente da Ceama.

De acordo com ele, o Pontífice lembrou o drama vivido pelas comunidades no território e valorizou o processo amazônico e o caminho sinodal da Igreja na Amazônia.

Além disso, o argentino “nos disse para continuarmos trabalhando juntos, comprometendo-nos a garantir que a experiência sinodal na Amazônia se torne uma experiência modelo do que pode ser a vida na Igreja universal”.

“Oferecemos ao Papa os avanços que fizemos nos últimos anos, depois do Sínodo sobre a Região Pan-Amazônica realizado há cinco anos, em 2019 e vimos como a Conferência Eclesial Amazônica é um fruto maduro de este processo sinodal que se desenvolveu em toda a região”, destacou Barreto Jimeno.

Durante o encontro, os participantes também puderam expressar ao Papa a sua preocupação pelo assassinato de defensores ambientais e pela exploração dos recursos naturais, enfatizando que “a mineração ilegal torna a situação cada vez mais dramática, devido aos efeitos das alterações climáticas”.

“Estamos vivendo um kairos eclesial, um momento propício para a renovação da Igreja na Amazônia e, a partir da Amazônia, também estamos oferecendo à Igreja universal um novo caminho, como foi solicitado no Sínodo da Amazônia: novos caminhos para a Igreja”, concluiu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo