Navio com mais de 800 migrantes chega a Itália, mas permanece longe da costa

Um navio humanitário com mais de 800 migrantes a bordo chegou na manhã deste domingo (07) no Porto de Trapani, no Sul da Itália. Todos foram resgatados de barcos improvisados no Mar Mediterrâneo.

De acordo com informações das principais agências internacionais de notícias, o navio encontra-se ancorado longe da costa italiana, mas deve receber autorização para desembargue na manhã de hoje (08).

Navio alemão com mais de 800 migrantes a bordo chegou neste domingo no Sul da Itália – Foto: ANSA / Ansa – Brasil

O navio humanitário, de bandeira alemã, já estava com 400 migrantes a bordo, mas teve que resgatar outras 400 pessoas entre a Líbia e a Sicília, que estavam no mar em barcos improvisados.

Entre os migrantes resgatados estão 200 adolescentes, incluindo crianças com menos de 10 anos, além de cinco mulheres grávidas.

O Navio Sea Eye 4 pertence as ONGs (Organizações Não-Governamentais) alemãs Mission Lifeline e Sea Eye e o capitão foi obrigado a seguir para a Itália porque a Ilha de Malta se recusou a recebe-los, ignorando os pedidos de socorro.

Um dos barcos de madeira aonde estavam alguns migrantes estava com o casco danificado, por onde entrava água. O naufrágio desta embarcação era uma questão de tempo.

A chegada deste navio a Itália provocou novas críticas do ex-ministro do interior e líder da extrema direita, Matteo Salvini, famoso por sua política contra migrantes.

Outro navio, o Ocean Viking, encontra-se neste momento ao Sul de Lampedusa, na Itália, com 308 migrantes a bordo, que foram resgatados nos últimos dias na Costa da Líbia. O capitão desta embarcação aguarda autorização para atracar e fazer o desembarque das pessoas que estão a bordo.

Com informações das Agência France Presse e Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo