Deslizamento de terra deixa 2 mortos e 8 desparecidos na Noruega

Um deslizamento de terra e neve ocorrido há três dias na cidade de Gijerdrum, próximo a Oslo, capital da Noruega, causou a morte de duas pessoas e deixou outras oito desaparecidas. As equipes de resgate continuam na região tentando localizar pessoas soterradas.

De acordo com informações das principais agências internacionais de notícias, o deslizamento de terra e neve aconteceu depois de uma forte tempestade que atingiu a cidade. “Trata-se de um dos maiores deslizamentos já ocorridos no país”, disse a primeira-ministra Erna Solberg.

Deslizamento de terra e neve deixa mortos e feridos na Noruega – Foto: Reuters

Na manhã deste sábado (02) as equipes de resgate conseguiram resgatar mais um corpo de uma das vítimas. Ele estava sob os escombros de uma casa, que foi totalmente destruída.

Um dos oficiais das equipes de resgate, Roy Alkvist, disse que ainda há chances de encontrar alguém com vida. “Ainda tempos esperança de encontrar sobreviventes”.

Ao todo, o deslizamento de terra e neve deixou 10 feridos, que foram socorridos e encaminhados a hospitais da região.

A chefe da polícia local, Melbo Øystese, disse em entrevista coletiva que as chances de encontrar sobreviventes são remotas, mas que pode haver pessoas presas em ‘bolsões’ de ar sob os escombros de casas, prédios e estabelecimentos comerciais.

Na sexta-feira (01), cães farejadores encontraram o corpo de uma vítima, que foi resgatado e levado para o necrotério de um hospital. A identidade dessa pessoa não foi divulgada.

Deslizamento de terra e neve deixa mortos e feridos na Noruega – Foto: Reuters

Na madrugada de hoje, o solo voltou a afundar no Distrito de Ask, na cidade de Gjerdrum, obrigando as autoridades de determinarem a evacuação imediata de aproximadamente mil pessoas.

Em alguns bairros, várias casas e prédios desmoronaram e algumas residências foram arrastadas pelo deslizamento de terra.

Por precaução, o fornecimento de energia elétrica foi suspenso em parte da cidade de Gjerdrum.

Dos 10 feridos, um teve que ser levado de helicóptero para um hospital na capital, Oslo. O estado de saúde dessa vítima é extremamente grave.

Com informações das Agências Reuters e France Presse

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo