Helicóptero cai em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro

Um helicóptero com uma pessoa a bordo caiu na noite desta sexta-feira (11), por volta das 19 horas (horário de Brasília), na Região da Vila Histórica de Mambucada, em Angra dos Reis, na Costa Verde, no litoral do Rio de Janeiro, causando a morte de pelo menos uma pessoa. As causas do acidente ainda são desconhecidas, e já estão sendo investigadas.

Equipes de resgate, das Polícias Civil e Militar e do Corpo de Bombeiros foram acionadas e envidas para o local do acidente aéreo, que já está isolado.

Um helicóptero caiu na noite desta sexta-feira (11) em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro, e causou a morte de pelo menos uma pessoa – Foto: WhatsApp/Reprodução

De acordo com informações da Assessoria de Comunicação do Comando Geral da Polícia Militar (CGPM) do Rio de Janeiro, três equipes do Corpo de Bombeiros e duas da Polícia Militar foram enviadas para o local, que é de difícil acesso.

Testemunhas disseram que a aeronave bateu na fiação elétrica antes de cair em uma área próxima à Rodovia BR-101, que foi interditada.

A Defesa Civil de Paraty informou que a aeronave é de uso particular, e que o piloto tentou pousar no campo de golfe do Hotel de Bosque, considerado de alto padrão, mas que ele não conseguiu, fazendo uma manobra arriscada, tendo uma das hélices atingindo uma das linhas de transmissão de energia elétrica.

O impacto do helicóptero na fiação elétrica deixou a cidade de Angra dos Reis às escuras. A concessionária já enviou uma equipe para o local para tentar restabelecer o fornecimento de energia na região.

A aeronave caiu em uma região de mangue, próximo à Rodovia BR-101, também conhecida como Rodovia Rio-Santos, que liga São Paulo ao Rio de Janeiro. No momento do acidente chovia forte na região.

O presidente Jair Bolsonaro esteve hoje na Região de Angra dos Reis, onde possui uma residência, porém o Palácio do Planalto informou que o helicóptero que se acidentou não faz parte da comitiva presidencial.

Com informações da Assessoria de Comunicação do CGPM/RJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo