Acidente aéreo deixa 22 mortos e 2 feridos na Ucrânia

Um avião militar caiu na noite desta sexta-feira (25) no Leste da Ucrânia, causando a morte de pelo menos 22 pessoas e deixando outras duas gravemente feridas. Quatro militares estão desaparecidos.

De acordo com informações das principais agências internacionais de notícias, o acidente aconteceu próximo a uma estrada, sendo que o avião levava a bordo cadetes do Instituto da Força Aérea Ucraniana. As causas do acidente ainda são oficialmente desconhecidas, mas já estão sendo investigadas.

Militares da Força Aérea chegam ao local do acidente e avistam os destroços da aeronave militar que caiu na Ucrânia nesta sexta (25) — Foto: Sergey Bobok/AFP

Imagens divulgadas pelas autoridades ucranianas mostram o avião, modelo Antonov An-26, parcialmente destruído e envolto pelas chamas. Equipes de emergência formadas por militares, policiais e bombeiros foram mobilizados e enviados para o local, que foi isolado.

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse nas redes sociais que o acidente é “uma terrível tragédia”, e que ele viajará neste sábado para o local do desastre aéreo.

A aeronave, modelo Antonov An-26, caiu por volta das 20h50min (horário local) ao tentar pousar no Aeroporto Militar de Chugev. O Serviço de Estado para Situações de Emergência do aeroporto foi acionada, tendo os militares sido os primeiros a chegar ao local da tragédia.

O avião estava envolto pelas chamas e alguns corpos das vítimas estavam do lado de fora da aeronave. O fogo foi controlado e totalmente extinto cerca de uma hora depois da queda.

Imagem mostra os destroços de avião que caiu na Ucrânia nesta sexta-feira (25) — Foto: Sergey Bobok/AFP

A cidade de Chugev fica localizada a cerca de 30 quilômetros a Sudeste de Khakiv e a 100 quilômetros a Oeste da linha de frente que separa os territórios sob controle do governo ucraniano dos que estão sob controle de separatistas.

O avião Antonov An-26 é de fabricação russa, dos tempos da União Soviética, e possui cerca de 24 metros de comprimento, podendo voar a 440 km/h em condições climáticas boas.

As autoridades ucranianas informaram que o avião estava fazendo um voo de treinamento, quando controle aéreo perdeu contato com o piloto. A aeronave sumiu do radar momentos depois, tendo a queda sido oficialmente confirmada.

Nos últimos anos ocorreram vários acidentes aéreos na Ucrânia com aviões antigos, a maioria deles em voos de treinamento.

Com informações das Agências France Presse e Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo