Avalanches de neve atingem a Índia, o Paquistão e o Afeganistão

Uma série de avalanches de neve e de nevascas estão atingindo desde segunda-feira (13) a Índia, o Paquistão e o Afeganistão e já causou a morte de dezenas de pessoas.

De acordo com informações das principais agências internacionais de notícias, somente na Caxemira, região disputada por Índia e Paquistão, a neve já causou a morte de pelo menos 67 pessoas. O número de feridos e de desaparecidos não foi divulgado pelas autoridades dos dois países.

O governo do Paquistão informou que dezenas de casas foram soterradas pela neve e que muitos moradores estão presos sob os escombros.

Equipes de resgate tentam abrir caminho em uma rua coberta de neve no vale de Neelum, no Paquistão, nesta terça-feira (14) — Foto: Naseer Chaudary/Reuters

No Estado Paquistanês do Baluchistão, uma forte nevasca atingiu um vilarejo, causando a morte de 17 pessoas. Cinco pessoas foram socorridas com vida e foram levadas para hospitais da região.

No Vale do Neelum, a situação é dramática, porque além da neve, as fortes chuvas que caem sobre a região provocaram a destruição de dezenas de casas.

Há relatos de deslizamentos de terra e de interdições em estradas, o que dificulta o acesso das equipes de emergência. O fornecimento de energia elétrica foi suspenso em algumas regiões.

O Serviço de Gerenciamento de Desastres do Paquistão decretou estado de emergência em sete distritos e solicitou a ajuda do Exército para as operações de busca e salvamento.

Um jovem foi visto no domingo (12) dirigindo um veículo após a nevasca que atingiu Cabul, capital do Afeganistão — Foto: Omar Sobhani/Reuters

Uma autoridade policial paquistanesa, que preferiu não se identificar, informou que cinco soldados estão entre os mortos entre os 10 mortos na fronteira entre a Índia e o Paquistão.

A área de fronteira entre os dois países é uma das mais tensas do mundo, porque concentra um grande número de militares. Os Exércitos do Paquistão e da Índia costumam se ‘estranhar’, já que ambas as nações disputam o território da Caxemira.

No Afeganistão, as nevascas interromperam o tráfego de veículos em várias estradas e obrigou as autoridades a fecharem escolas e prédios públicos.

A Autoridade de Gerenciamento de Desastres do Afeganistão, informou que em Cabul, capital do país, todas as escolas foram fechadas e as aulas foram suspensas por tempo indeterminado.

As principais estradas que ligam o Paquistão ao Afeganistão foram bloqueadas devido a densa camada de neve que cobre as duas pistas. O transporte de bens essenciais foi suspenso.

Com informações das Agências France Presse e Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo