Acidente de trens deixa 23 mortos e 73 feridos no Paquistão

Dois trens colidiram nesta quinta-feira (11) na Cidade de Rahim Yar Khan, na Província de Punjab, Região Central do Paquistão, causando a morte de pelo menos 23 pessoas e deixando outras 73 feridas. As causas do acidente ainda são desconhecidas, mas já estão sendo investigadas.

De acordo com informações das principais agências internacionais de notícias, o acidente envolveu um trem de passageiros, que vinha da cidade de Lahore, e um trem de carga, que estava estacionado no terminal na cidade de Punjab.

Bombeiros e socorristas paquistaneses são vistos em volta dos destroços de trens que se chocaram no Paquistão nesta quinta-feira (11) — Foto: AFP Photo/STR

O porta-voz do Ministério das Ferrovias do Paquistão, Ali Nawaz Malik, disse em entrevista coletiva que o acidente ocorreu em decorrência de “negligência humana” e por “falha na sinalização”.

Os acidentes envolvendo trens são comuns no Paquistão, devido principalmente ao sucateamento da malha ferroviária e dos trens e, sobretudo, em decorrência da falta de manutenção das locomotivas e vagões.

O Paquistão herdou da Inglaterra, a rede ferroviária que foi construída pelos britânicos durante a colonização do país pelos ingleses. Atualmente, ele encontra-se em péssimas condições, após décadas de falta de gestão adequada, aliada a falta de investimentos e de casos de corrupção por parte adas autoridades responsáveis.

O primeiro-ministro do Paquistão, Imran Khan, exigiu do ministro das Ferrovias, a adoção de “medidas de emergência para resolver os problemas da falta de infraestrutura ferroviária” no país. Ele também se solidarizou com as vítimas e seus familiares.

Com informações das Agências France Presse e Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo