Terremoto de 6 graus na Escala Richter atinge a Costa Rica

Foto: Divulgação

Um forte terremoto de magnitude de 6,0 graus na Escala Richter atingiu na noite desta sexta-feira (17/08) a fronteira entre a Costa Rica e o Panamá. Ainda não há informações sobre vítimas e/ou danos.

De acordo com as primeiras informações, divulgadas agora a pouco pelas principais agências internacionais de notícias, os tremores foram mais intensos em áreas da Costa Rica.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS – sigla em inglês) informou, a princípio, que o tremor atingiu os 6,2 graus, mas a informação foi corrigida logo depois. Os dados revelam que o epicentro do abalo sísmico foi de 2 km a Oeste do Porto de Golfito, muito visitado por surfistas do país e estrangeiros.

Especialistas afirmam que o tremor de 6 graus na Escala Richter é muito forte, capaz de provocar danos graves. Tremores secundários de até 4,9 graus na Escala Richter estão sendo sentido neste momento na região.

Há relatos, ainda não oficialmente confirmados, de que muitos moradores estão deixando suas casas e prédios e permanecendo nas ruas. Ainda não há relatos de desabamentos de edificações.

A Rede Sismológica Nacional da Costa Rica informou agora a pouco que a profundidade do terremoto foi de 21 km, e que o sismo foi sentido com força na capital do país, San José.

Autoridades do Panamá informaram que o tremor foi sentido em várias cidades do país, principalmente nas províncias fronteiriças de Chiriquí e Bocas del Toro. Os pilares do Estádio de Beisebol Kenny Serracín chegaram a tremer por vários segundos, mas permanecem intactos.

As autoridades panamenhas informaram que no momento do tremor acontecia uma partida do Campeonato Mundial de Beisebol Sub-15 no estádio, o qual foi suspenso. Todos deixaram rapidamente o local.

Equipes de emergência da Costa Rica foram mobilizadas e estão sendo enviadas para as áreas mais atingidas pelo terremoto.

As autoridades de Costa Rica e do Panamá ainda não emitiram alerta de tsunami.

Com informações das Agências Reuters e Associated Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo