IBEDEC critica a possibilidade de se cobrar juros no parcelamento do cartão de crédito

O IBEDEC-MS vem criticando a posição do Banco Central em estudar a criação do parcelamento com juros no cartão de crédito. Essa idéia veio da Abecs (Associação Brasileira de Empresas de Cartões de Crédito e Serviços), que defende a volta de uma espécie de crediário nas compras. O consumidor deve ficar alerta a essa possibilidade de mudança.

A diretora do IBEDEC-MS, Bárbara Grassi, alerta que a possibilidade de se cobrar juros na compra parcelada no cartão de crédito é um retrocesso. “O consumidor já foi prejudicado na criação da lei que possibilita a diferenciação de preço na hora da compra em dinheiro e cartão. Agora ainda ser lesado na hora de comprar parcelado, ser acrescido mais juros do já se paga pela utilização do cartão de crédito, isso é um absurdo.”

Outras entidades também condenam tal iniciativa, como Abranet (Associação Brasileira de Internet), Fecomercio-SP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo), Abipag (Associação Brasileira de Instituições de Pagamentos), Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes) e Unecs (União Nacional de Entidades do Comércio e Serviços).

Grassi informa que, com a possibilidade da cobrança de juros no parcelamento do cartão, prejudicará não só o consumidor como os lojistas, já que voltará a ser utilizado o cheque pré-datado, causando incerteza para o lojista no momento do recebimento, em razão dos estelionatários e da possibilidade da falta de fundos do cheque emitido, além de fraudes, roubo, etc. Isso traria o desaquecimento na economia, alerta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo