Forte nevasca atinge o Afeganistão e deixa 147 mortos e 40 feridos

Nevasca atinge o Afeganistão e deixa 147 mortos e 40 feridos – Foto: Shah Marai/AFP

A forte nevasca que há dias vem atingindo o Afeganistão já causou a morte de pelo menos 147 pessoas e deixou outras 40 feridas. Até o momento há 32 pessoas desaparecidas.

De acordo com informações das principais agências internacionais de notícias, a província mais atingida pela nevasca é a de Nuristan, no Leste do país. A maioria das casas não possui aquecedores e/ou calefação, fazendo com que muitas pessoas adquiram doenças relacionadas ao frio intenso.

As autoridades afegãs informaram nesta segunda-feira (06/02) que a maioria dos hospitais nas regiões mais afetadas encontra-se lotados, e que muitas pessoas permanecem nas ruas, sem ter para onde ir.

O chefe do Conselho da Província de Nuristan, Sadullah Paindazai, disse que das 147 mortes, 55 foram causadas por uma avalanche de neve, que soterrou um povoado. Entre as vítimas há mulheres e crianças.

Equipes de resgate foram mobilizadas, mas o mau tempo está impedindo que elas cheguem as áreas mais afetadas, que estão isoladas.

As outras 82 mortes ocorreram nas províncias de Badakhshan, Takhar e Baghlan (norte); Sar-e-Pol e Badghis (oeste), Bamyan e Parwan (centro) e Logar, Khost, Paktika, Zabul e Kandahar (oriente).

O vice-ministro para Gestão de Desastres do Afeganistão, Wais Barmak, disse em entrevista coletiva que a prioridade do Governo Central é o de evacuar os feridos, principalmente mulheres e crianças.

O representante da Organização das Nações Unidas (ONU) no país, Mark Bowden, lamentou as mortes, e elogiou os esforços do governo afegão em socorrer rapidamente as vítimas.

Em 2016, o Afeganistão registrou uma das piores nevascas do país, que deixou 245 mortos e 66 feridos.

Com informações das Agências France Presse e Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo