Segurança: Conheça os itens de proteção que devem ser avaliados antes de se escolher um automóvel

Sistemas até pouco tempo presentes apenas em carros de luxo, começam a ganhar espaço e já estão disponíveis também em modelos mais acessíveis, como no Novo SUV Citroën C4 Cactus

Novo SUV Citroën C4 Cactus – Foto: Divulgação

Apesar de ser um fator ainda pouco avaliado na hora do consumidor adquirir um carro, a segurança é um dos quesitos mais importantes em um automóvel. Ela pode ser ativa (por meio de itens que ajudam a evitar acidentes), passiva (protege ou minimiza as consequências de uma colisão) ou preventiva (reduz a possibilidade de erros do motorista).

Com a chegada de novas tecnologias de segurança ao mercado em modelos mais acessíveis, caso do recém-lançado SUV Citroën C4 Cactus, a Citroën dá dicas do que deve ser considerado pelo consumidor na hora de optar por um novo modelo. Confira abaixo:

Freio com ABS

Obrigatório em todos os carros produzidos a partir de 2014, o freio com ABS é um dos equipamentos mais eficazes na prevenção de acidentes, pois a tecnologia impede o travamento das rodas em uma freada forte. A partir de dados coletados por sensores nas rodas, ele determina quando elas estão prestes a travar e, imediatamente, alivia a pressão das pinças do freio. Dessa forma, o motorista consegue manter o controle da trajetória durante a frenagem.

Sistema de frenagem automático

Carros mais acessíveis, como o Novo SUV Citroën C4 Cactus, já contam com um avançado pacote de equipamentos de segurança e auxílio à direção, com destaque para o Active Safety Brake (Sistema de Frenagem Automática e Alerta de Colisão). Por meio de uma câmera localizada na posição superior do para-brisa, essa função detecta obstáculos, como um carro dirigindo na mesma direção ou estacionado, acionando o sistema automático de frenagem para reduzir a velocidade e evitar a colisão frontal do veículo, caso o motorista não consiga reagir. O sistema evita choques ou minimiza a gravidade do impacto quando a colisão for inevitável.

Alerta de Saída de Faixa

Ajuda a prevenir a baixa vigilância ou um simples momento de desatenção do motorista. Com o uso de uma câmera para reconhecer faixas horizontais sólidas ou tracejadas, a tecnologia detecta o cruzamento involuntário de marcações longitudinais de trânsito na estrada. Para proporcionar uma condução segura, a câmera analisa a imagem e, se a atenção do motorista diminuir e a velocidade for superior a 60 km/h, dispara um alerta visual e sonoro caso aconteça alguma mudança de direção inesperada.

Alerta de Atenção ao Condutor

A função avalia o nível de alerta do motorista, identificando mudanças de trajetória em relação às marcações de faixa. Quando o sistema interpreta o comportamento do veículo, que indique fadiga ou falta de atenção por parte do motorista, ele aciona o primeiro nível de alerta. O motorista é avisado pelas mensagens sonoros “Fique atento” e “Cuidado”. Após três advertências de primeiro nível, o sistema aciona um novo alerta mais pronunciado com a mensagem “Condução arriscada: faça uma pausa”. O sistema é particularmente adequado para estradas rápidas (velocidade superior a 65 km/h).

Novo SUV Citroën C4 Cactus – Foto: Divulgação

Indicador de Descanso

Informa ao motorista quando é hora de uma pausa. O mecanismo dispara um alerta quando verifica que o motorista não fez uma pausa após duas horas de condução em velocidade acima de 70 km/h. No Citroën C4 Cactus, por exemplo, o dispositivo chamado Coffee Break Alert, assume a forma de uma mensagem de display, acompanhado de um aviso sonoro, incentivando o condutor a fazer uma pausa. Se o motorista não seguir o conselho, o alerta é repetido de hora em hora até que o veículo pare.

Assinatura luminosa em LED (DRL)

O farol de rodagem diurna (ou DRL, sigla em inglês para daytime running lamp ou daytime running light) é um dispositivo de iluminação automotiva posicionado na parte frontal do carro. São instalados aos pares e ligados automaticamente com o acionamento do veículo. Além de conferir uma assinatura estilística ao modelo, é um importante dispositivo de segurança, já que aumenta a visibilidade durante o dia.

ESP (controle dinâmico de estabilidade) + ASR (antipatinagem)

O ESP é um sistema que se destina a reestabilizar o veículo em caso de desvio de trajetória, seja de dianteira ou traseira, por meio de aplicação seletiva dos freios conjugada com o controle de tração. Ele age de forma invisível de modo a estabilizar o veículo em momentos de risco, recolocando-o em sua trajetória original. Assim como os freios antitravamento (ABS), o ESP atua como um mecanismo a mais para garantir a segurança do condutor e tem se tornado uma exigência cada vez mais comum nos países desenvolvidos. Já o ASR, assegura a melhor condição de tração em condições de pisos escorregadios (piso molhado, lama, areia, grama etc.).

Controle de aderência (Grip Control)

O Grip Control é um dispositivo que melhora a aderência do veículo, otimizando a motricidade em terrenos acidentados ou difíceis, como areia, lama ou neve. É possível deixar o Grip Control funcionar automaticamente com o modo Standard (Padrão) ou você mesmo pode escolher um dos cinco modos: Padrão, Neve, Lama, Areia, ESP OFF.

Faróis de neblina com Cornering Light

As luzes de curva estáticas fornecem um feixe de luz adicional para iluminar o interior das curvas e melhorar a visibilidade e a segurança nos cantos e junções, cobrindo um ângulo de até 75° à direita ou à esquerda do veículo. Essa função de iluminação funciona a velocidades entre 0 e 40 km/h e pode ser ativada automaticamente, quando o volante estiver em um ângulo de 60°. O sistema está desativado para ângulos inferiores a 30°.

Assistência em Subidas (Hill-Start Assist)

A função de assistência em subidas torna as manobras fáceis quando estacionado em aclives, mantendo o veículo estável por cerca de dois segundos quando o motorista solta o pedal de freio em vias inclinadas. Isso dá ao motorista tempo para transferir o pé para o pedal do acelerador e ligar o carro.

Airbags

Outro item obrigatório desde 2014 é o airbag. A lei exige a instalação de uma bolsa dupla frontal e, caso você esteja pesquisando veículos usados, é fundamental verificar se o modelo já possui esse sistema. No entanto, existem vários outros modelos de airbags que começam a ser disponibilizados em lançamento como o C4 Cactus. O SUV oferece, por exemplo, airbags laterais (inflam-se a partir dos bancos e protegem o torso), e de cortina (estendem-se a partir do teto, paralelamente aos vidros laterais, protegendo a cabeça).

Célula de sobrevivência

A célula de sobrevivência é a estrutura que compreende o compartimento dos passageiros, projetada para resistir à deformação resultante das forças das colisões. Em um bom projeto, as estruturas frontais e traseiras, bem como as laterais, devem absorver a energia cinética gerada na colisão, reduzindo o impacto na célula de sobrevivência, e, consequentemente, nos passageiros.

Isofix

O sistema de retenção infantil conhecido como Isofix, que prende a cadeirinha ou a base do bebê conforto, se encaixa no veículo com facilidade e oferece maior proteção em caso de acidentes do que os tradicionais cintos de segurança. Obrigatório em todos os veículos fabricados a partir de 2018, o sistema é constituído por três encaixes nos bancos do veículo que são soldados diretamente em uma região reforçada da carroceria.

A marca Citroën

Gerando otimismo desde 1919, a Citroën se distingue pela sua criatividade e audácia. Valores que coloca a serviço do bem-estar de seus clientes, fornecendo respostas novas para as perguntas de cada época. Hoje, a Citroën está se reinventando com modelos que concentram seus valores no design, no conforto e na inteligência tecnológica, mas também com uma Experiência Cliente fluida e transparente, à imagem de seu site de opinião on-line Citroën Advisor. A Citroën tem hoje 10.000 pontos de Venda e Pós-vendas em mais de 80 países e cerca de 1,1 milhão de veículos vendidos em 2017. Além disso, é dona de oito títulos de Campeã Mundial de Construtores no WRC e de três títulos consecutivos de Campeã Mundial de Construtores no WTCC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo