PRF apreende contrabando de eletrônicos na BR-463, próximo a Ponta Porã (MS)

O ônibus foi modificado para camuflar os fundos falsos, onde eram escondidas as mercadorias – Foto: PRF/MS – Divulgação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Mato Grosso do Sul divulgou na tarde desta quinta-feira (11/01), a informação de que policiais da corporação conseguiram apreender na Rodovia BR-463, nas proximidades do município de Ponta Porã, Região Sul do Estado, um carregamento ilegal de produtos eletrônicos avaliados em R$ 1 milhão. Uma pessoa foi presa em flagrante.

De acordo com informações da Assessoria de Comunicação da PRF/MS, a apreensão da carga e a prisão do suspeito aconteceram na manhã de hoje, por volta das 20h15min (horário de MS), durante uma fiscalização de rotina.

Segundo os dados que constam no Boletim de Ocorrência (BO), os quais foram repassados à imprensa, os policiais faziam uma blitz na rodovia quando avistaram um ônibus de viagem, e sinalizaram para que o condutor parasse o veículo.

Durante a abordagem, os policiais constataram que os documentos do motorista e os do ônibus estavam aparentemente em ordem, no entanto, eles desconfiaram do veículo, que apresentava sinais de evidentes de descaracterização na lataria do mesmo.

Policiais rodoviários federais apreenderam na manhã desta quinta-feira (11/01) próximo a Ponta Porã (MS), produtos eletrônicos contrabandeados – Foto: PRF/MS – Divulgação

A vistoria revelou que o interior do veículo havia sido ‘encurtado’. Fundos falsos foram encontrados e dentro deles foram encontrados e apreendidos caixas contendo diversos tipos de equipamentos eletrônicos.

Para transportar as mercadorias ilegais e não levantar suspeitas, os donos do veículo e provavelmente responsáveis pelas adulterações, ‘criaram’ uma nova ‘parede’ no interior do veículo, que foi fretado. O espaço para passageiros foi encurtado e o de bagagens aumentado.

Diante dos fatos, os policiais rodoviários federais deram voz de prisão ao motorista, que não teve a identidade revelada. O suspeito foi encaminhado, juntamente com o ônibus e os produtos eletrônicos, para a Delegacia de Polícia Civil, onde foi autuado e irá responder a processo pelo crime de descaminho.

Com informações da Assessoria de Comunicação da PRF/MS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo